PUBLICIDADE
Notícias

Turista argentina morre depois de ser esfaqueada na Praia de Copacabana

Segundo a Polícia Militar, a vítima foi encontrada ainda com vida por policiais do Batalhão de Copacabana, que a socorreram e a levaram ao Hospital Municipal Miguel Couto

09:08 | 17/02/2016

Uma turista argentina morreu depois de ser esfaqueada na madrugada desta quarta-feira, 17, na Praia de Copacabana, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro, durante um assalto. Segundo a Polícia Militar, a vítima foi encontrada ainda com vida por policiais do Batalhão de Copacabana, que a socorreram e a levaram ao Hospital Municipal Miguel Couto.

A vítima foi identificada pelo bombeiros como Pâmela Bianca, de 24 anos. Ela estava na areia com duas amigas quando foi abordada.

A turista chegou a dar entrada para atendimento no Hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ainda de acordo com a Polícia Militar, os policiais fizeram buscas na região e prenderam dois suspeitos de assassinar a argentina: Douglas Gonzaga, de 33 anos e Paulo Henrique Coelho, de 22 anos.

Eles foram encaminhados para a Delegacia Especial de Atendimento ao Turista da Polícia Civil. Testemunhas que acompanhavam a vítima na hora do crime reconheceram os suspeitos como autores do ataque, segundo a Polícia Militar.

Redação O POVO Online com informações da Agência Brasil

TAGS