PUBLICIDADE
Notícias

Em 2013, número de estupros pode ter chegado a dezesseis por hora no Brasil

Anuário Brasileiro de Segurança Pública apresenta dados inéditos de estupros, letalidade e vitimização policial, roubo de veículos e sistema penitenciário, definindo um panorama da segurança pública no País e diagnosticando os principais problemas

15:58 | 11/11/2014
O Brasil registrou, em todo ano de 2013 50.320 casos de estupro, 96 a mais do que o registrado em 2012, o que significa uma estabilização estatística. Apesar desses números, o Fórum Brasileiro de Segurança Pública indica que é possível que o País tenha convivido com cerca de 143 mil estupros no transcorrer de 2013.

Isso porque, segundo a National Crime VictimizationSurvey (NCVS), existe uma grande subnotificação desse tipo de crime no País e no mundo. Estima-se que apenas 35% das vítimas desse tipo de crime costumam prestar queixas. Logo o Fórum indica que, a cada hora, dezesseis estupros ocorreram no País no ano passado.

Se forem considerados apenas os estupros registrados, o número ainda é bastante elevado; chega-se aproximadamente a um caso a cada dez minutos. O Estado de São Paulo é o que mais registra o crime, com 12.057 boletins de ocorrência e responde a cerda de um quarto (23,96%) dos estupros no País.

O Estado com a redução mais expressiva foi Rio Grande do Norte. Em 2012, foram 329 casos no Estado e, em 2013, foram 236, uma redução de 28,27%. Já o Amazonas é o estado em que o registro desse crime mais cresceu. Em 2012, foram 1.031 estupros e, em 2013, 1.433. Um aumento de 38,99%.

Redação O POVO Online
TAGS