PUBLICIDADE
Notícias

Eleitores contrariam legislação e postam imagens do voto nas redes sociais

10:38 | 05/10/2014
NULL
NULL

Alguns eleitores que já votaram neste domingo, 5, se arriscaram e contrariaram as regras da Legislação Eleitoral postando foto da urna eletrônica nas redes sociais, a famosa selfie.

A postagem é proibida, pois, de acordo com a legislação, compromete o "sigilo do voto". De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), quem desrespeitar as regras está sujeita a até dois anos de detenção.

Segundo o TSE, caso os mesários flagrem algum eleitor fotografando o voto, a orientação é que o episódio seja registrado em ata, identificando o eleitor. Caberá ao juiz eleitoral comunicar o fato ao Ministério Público Eleitoral para instauração de inquérito.

Veja imagens:

[FOTO1]

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[FOTO2]

 

 

 

 

 

 

 

[FOTO3]

 

 

 

 

 

 

 [FOTO4]

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 [FOTO5]

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[FOTO6]

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redação O POVO Online

TAGS