PUBLICIDADE
Notícias

Pela primeira vez, brasileiro ganha 'Nobel' de matemática

Artur vila, de 35 anos, se tornou o primeiro sul-americano a receber a prestigiada Medalha Fields, considerada o prêmio Nobel da matemática

20:27 | 12/08/2014
Nesta terça-feira, 12, o brasileiro Artur Avila, de 35 anos, se tornou o primeiro sul-americano a receber a prestigiada Medalha Fields, considerada o prêmio Nobel da matemática. Natural do Rio de Janeiro, o matemático receberá o prêmio canadense Manjul Bhargava, o austríaco Martin Hairer e  iraniana Maryam Mirzakhani.

Para ser considerado merecedor da medalha, que é entregue a cada quatro anos, o profissional precisa ter menos de 40 anos e ter trabalhos considerados fundamentais para o avanço da matemática. O julgamento é feit por um comitê secreto e a premiação é entregue para dois, três ou quatro matemáticos.

Segundo o Globo, o anúncio aconteceu durante o Congresso Internacional de Matemáticos, organizado pela União Internacional de Matemática (IMU, na sigla em inglês) e que acontece em Seul, na Coreia do Sul. A IMU divulgou um comunicado elogiando o brasileiro e justificando o fato de ele ter sido contemplado com a láurea máxima da União. Confira:

“Artur Avila fez notáveis contribuições no campo dos sistemas dinâmicos, análise e outras áreas, em muitos casos provando resultados decisivos que resolveram problemas há muito tempo em aberto. Quase todo seu trabalho foi feito por meio de colaborações com cerca de 30 matemáticos de todo mundo. Para estas colaborações, Avila traz um formidável poder técnico, a engenhosidade e tenacidade de um mestre em resolver problemas e um profundo senso para questões profundas e significativas. Os feitos de Avila são muitos e abrangem uma ampla gama de tópicos. Com sua combinação de tremendo poder analítico e profunda intuição sobre sistemas dinâmicos, Artur Avila certamente continuará um líder na matemática ainda por muitos anos”.

Redação O POVO Online

TAGS