Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

No Ceará, Lula realiza encontros com Tasso Jereissati, Eunício Oliveira e Cid Gomes

Tentativa é angariar aliados para viabilizar candidatura petista nas eleições presidenciais de 2022
10:38 | Ago. 23, 2021
Autor Filipe Pereira
Foto do autor
Filipe Pereira Repórter Política
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva realiza nesta segunda-feira, 23, no Ceará, um encontro com lideranças partidárias cearenses. Nesta manhã, o petista se reúne com o senador Tasso Jereissati (PSDB). Depois, ele fará encontros separados com Eunício Oliveira, do MDB, e com Cid Gomes, do PDT.

A estratégia e atrair aliados e viabilizar a candidatura petista as eleições de 2022. Em março deste ano, apesar do partido ser oposição ao PT no Ceará, o senador Tasso Jereissati afirmou ser favorável a uma possível candidatura de Lula para a presidência.

Em entrevista ao portal El País, o tucano considerou que o Brasil precisa de “uma grande lição de democracia” com a participação de “todas as correntes ideológicas”. Mesmo apoiando uma candidatura de terceira via e enfrentando divergências entre tucanos, o ex-presidente e cacique tucano Fernando Henrique Cardoso também já realizou encontro com Lula durante almoço em São Paulo

LEIA MAIS l Lula, Eunício e o "palanque duplo" no Ceará

Este também é o segundo encontro entre Lula e Eunício Oliveira. Em maio, os dois estiveram em Brasília acompanhados também da presidente do PT, Gleisi Hoffmann, e do senador Paulo Rocha (PT-PA). O cearense é dos líderes do MDB mais próximos de Lula, de quem foi ministro das Comunicações (2004-2005) e o emedebista que mais mantém diálogo frequente com o ex-presidente. 

Para esta segunda, Eunício disse que terá "conversa franca, entre dois amigos", com o petista em Fortaleza. Opositor do PDT de Ciro Gomes no Ceará, o líder do MDB está definindo posição do partido para 2022 no Ceará e defende já ter presença "garantida" na disputa eleitoral do ano que vem.

A grande novidade é o diálogo agendado com o senador Cid Gomes (PDT). Apesar de integrar grupo político aliado do governador Camilo Santana (PT) e do Partido dos Trabalhadores no Ceará, o pedetista é irmão de Ciro Gomes, também presidenciável e recente desafeto de Lula. 


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

ZPE Ceará: reajuste de preços terá 50% de abatimento em 2021

Economia
10:53 | Ago. 23, 2021
Autor Irna Cavalcante
Foto do autor
Irna Cavalcante Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Zona de Processamento de Exportação do Ceará (ZPE), a primeira a entrar em operação no Brasil, decidiu reduzir em 50% o percentual de reajuste de preços do setor 1. Os valores são corrigidos anualmente pelo Índice Geral de Preços Mercado (IGP-M), que sofreu variação de 25,71%, de fevereiro de 2020 a janeiro de 2021. Porém, para manter as condições empresariais competitivas em meio à pandemia, o percentual que será aplicado pela ZPE cearense até 31 de janeiro de 2022 será de 12,85%.

A decisão foi tomada na 144ª Reunião de Diretoria Executiva da ZPE, do início deste mês, e publicada no Diário Oficial do Estado. Na justificativa da portaria 38/2021, o presidente da ZPE Ceará, Eduardo Neves, pondera que a nova tabela de preços com 50% de abatimento no reajuste leva em consideração "a necessidade de manter condições comerciais e empresariais atrativas e competitivas na gestão e desenvolvimento da ZPE do Pecém mesmo durante o difícil período experimento em razão da pandemia".

Os efeitos da portaria terão vigência e validade até 31 de janeiro de 2022, automaticamente prorrogados até nova atualização, podendo sofrer adequações de acordo com as necessidades operacionais.

 

LEIA TAMBÉM | Novo marco legal favorece atração de empresas setor 2 da ZPE do Ceará

No primeiro semestre deste ano, a ZPE do Ceará registrou crescimento de 17,3% na sua movimentação de cargas. Foram mais de 6,3 milhões de toneladas (t) que passaram pelos gates da free trade zone (portões de comércio livre) cearenses, aproximadamente 930 mil t a mais ante igual período do ano passado.

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Novo programa do MTur vai fomentar cicloturismo em cem cidades; Fortaleza é uma delas

Economia
09:57 | Ago. 23, 2021
Autor Irna Cavalcante
Foto do autor
Irna Cavalcante Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

De olho no crescimento do cicloturismo, que aumentou 118% em 2020, segundo dados da Associação Brasileira do Setor de Bicicletas (Aliança Bike), o Ministério do Turismo está mapeando e estruturando trilhas de longo curso pelo Brasil. Cerca de 18 rotas em mais de cem cidades, incluindo Fortaleza, já foram identificadas e devem ser beneficiadas pelo programa.  A meta do Governo Federal é chegar a 10.500 km nos próximos anos e movimentar o turismo em mais 2 milhões de pessoas por ano.

 

O programa, que está sendo desenvolvido em conjunto com o Ministério do Meio Ambiente e o Instituto Chico Mendes para Conservação da Biodiversidade (ICMBio), prevê o fortalecimento de trilhas que perpassam parques nacionais de todo o País. Cerca de 3.500 km de trilhas já estão sinalizadas para a realização de passeios por turistas e visitantes.

Além de Fortaleza, na lista elencada pelo MTur constam capitais como Manaus (AM), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Florianópolis (SC), Goiânia (GO) e Brasília (DF), que possuem ampla malha cicloviária e/ou sistemas de compartilhamento de bicicletas. 

Também foram selecionadas outras rotas já conhecidas pelos praticantes, como o Caminho dos Morcegos, no Amazonas; o Caminho da Fé, que corta os estados de São Paulo e Minas Gerais; o Circuito de Cicloturismo do Vale Europeu, em Santa Catarina; e o Caminho Cora Coralina, em Goiás.

A expectativa é informatizar o processo de inclusão de trechos e a manutenção de um banco de dados pelo Ministério do Meio Ambiente, por meio de um portal oficial em desenvolvimento com o ICMBio, para a instalação de sinalização dos parques, fornecimento de equipamentos destinados à conservação dos percursos e construção de mirantes e outras estruturas nos locais.

Para o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, as bicicletas se tornaram grandes parceiras do setor, visto que elas possuem potencial para fortalecer o turismo de proximidade e o de experiência tanto “no destino” quanto “para o destino”.

“O cicloturismo é muito mais do que pedalar, é viver novas experiências, é ter a possibilidade de montar o seu próprio roteiro e ter contato com a cultura, a natureza e a biodiversidade dos nossos destinos. Além disso, a prática pode fomentar a economia de muitas famílias das cidades próximas aos grandes centros, gerando emprego e renda para eles”, declarou.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Em dois dias, Ceará deve receber 346.930 doses de imunizantes contra Covid-19

IMUNIZAÇÃO
09:57 | Ago. 23, 2021
Autor Levi Aguiar
Foto do autor
Levi Aguiar Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O estado do Ceará recebeu um novo lote de vacinas contra a Covid-19, na noite de domingo, 22. Foram 97.110 doses da Pfizer/BioNTech, que serão utilizadas para aplicação de D1 e D2. Ainda durante a manhã do domingo, o Estado havia recebido 97.400 doses da Coronavac. A expectativa é que nesta segunda-feira, 23, cheguem as remessas de vacinas da AstraZeneca/Oxford. O governador Camillo Santana (PT) garantiu a chegada de 152.420 doses, que serão utilizadas para a D2.

As remessas somam 346.930 doses incluindo as de ontem (Coronavac e Pfizer) e as doses de hoje (AstraZeneca), prevista para serem entregues às 11h. "Reforço à nossa população sobre a importância de todos estarem atentos ao cadastro de vacinação e às listas de agendamento em seus municípios. A imunização completa dos cearenses é fundamental para superarmos de vez essa pandemia", declarou o governador.

LEIA MAIS | "Camilo tá com cara de senador, já", diz Lula no Ceará

Veja o que muda no funcionamento das atividades econômicas e de lazer com novo decreto no Ceará

Segundo os dados do Vacinômetro, que calcula a distribuição de vacinas à população, 4.707.560 cearenses receberam a primeira dose e 1.930.101 receberam a segunda. Os imunizados com a dose única somam 153.759. A última atualização dos dados de vacinados no Estado foi feita no dia 19 de agosto.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Veja o que muda no funcionamento das atividades econômicas e de lazer com novo decreto no Ceará

ECONOMIA
08:28 | Ago. 23, 2021
Autor Alan Magno
Foto do autor
Alan Magno Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

As novas regras de isolamento social impostas no Ceará entram em vigor a partir de hoje, 23 de agosto, e serão válidas inicialmente até o dia 5 de setembro. As medidas foram anunciadas anunciadas na sexta-feira, 20, pelo governador do Estado, Camilo Santana (PT), e publicadas no Diário Oficial do Estado no sábado, 21.

Atualizações nas medidas de isolamento social no Estado beneficiam setor cultural e de alimentação fora do lar, com autorização de eventos culturais e ampliação do horário de funcionamentos para bares e restaurantes. 

O POVO detalha abaixo o funcionamento permitido de cada setor econômico do Estado.

A principal mudança define a autorização do uso de equipamentos públicos para eventos culturais. Medida complementa a liberação de eventos testes no Estado com intuito de avaliar a viabilidade sanitária do retorno de atividades presenciais com grande concentração de público.

Tais eventos devem seguir as mesmas regras dos eventos sociais. Assim, serão limitados a 50% da capacidade de cada aparelho, não podendo ultrapassar 200 pessoas em espaços abertos e 100 nos locais fechados. Também será exigido comprovante de vacinação completa dos presentes, ou testes RT-PCR com resultado negativo feitos em até 48h antes do evenot. 

As novas regras representam avanços no processo de reabertura gradual para setor cultural, de eventos e de alimentação fora do lar. Com atualização do decreto, restaurantes, bares e barracas de praia terão horário de funcionamento estendido até a meia-noite, mas ainda com 50% da capacidade. Ação faz com que o toque de recolher no Estado passe a vigorar de 1h até as 5h.

O novo decreto amplia ainda o funcionamento de teatros, museus, bibliotecas e cinemas no Ceará. Desde que observado o protocolo sanitário, estes passam a operar com 50% da capacidade máxima. O funcionamento de parques aquáticos associados a empreendimentos hoteleiros também teve aumento da capacidade permitida, autorizando ocupação máxima de 60%. 

Em aceno para o setor cultura e de eventos, as novas regras de isolamento válidas pelos próximos 15 dias permitem ainda apresentações musicais nas áreas comuns de condomínios realizadas por, no máximo, 2  artistas por apresentação. Tal liberação somente será válida se for "iniciativa do próprio condomínio, não haja aglomerações ou contato entre moradores e sejam observadas todas as regras e protocolos de segurança", conforme diz o decreto. 

O avanço na flexibilização ocorre após interrupção feita no dia 6 de agosto, quando o governo do Estado prorrogou as medidas do decreto anterior e não avançou com o processo de liberação das atividades em virtude da preocupação com as primeiras confirmações da variante Delta do vírus causador da Covid-19 no Ceará.

O Ceará já acumula mais 43 casos de infecção pela Delta, identificados em moradores de 20 municípios cearenses de todas as regiões de saúde. Além disso, também foi registrado o primeiro caso da variante Alfa no Estado, uma mutação oriunda do Reino Unido. Contudo, o processo de flexibilização foi retomado após aceleração no processo de imunização contra a doença pandêmica. 

Resumo das novas autorizações, válidas a partir de hoje, segunda-feira, 23 de agosto

  • Toque de recolher segue de segunda a domingo, de 1h às 5h.
  • Liberação do uso de equipamentos públicos para realização de eventos culturais no Estado
  • Bares, restaurantes e barracas de praia podem funcionar até a meia-noite com 50% da capacidade
  • Cinemas, museus e teatros passam a operar com 50% da capacidade
  • Autorizada apresentações musicais em áreas de lazer de condomínios desde que sejam no máximo dois artistas por apresentação

Confira as principais mudanças com novo decreto no Ceará

Setores religiosos e comércio de rua

>> Comércio de rua e serviços, envolvendo estabelecimentos situados fora de shoppings, inclusive escritórios em geral: autorizados a funcionar das 9h às 19h, com limitação de 50%

>> Shoppings: autorizados a funcionar das 10h às 22h, com limitação de 50%

>> Restaurantes e bares: das 9h às 0h, exceto para aqueles situados em shoppings - que funcionarão de 10h às 0h, com capacidade de 50%

>> Instituições religiosas: poderão promover celebrações presenciais até às 22h com 70% do limite da capacidade

>> Construção civil: iniciará as atividades a partir das 7h

Academias

>> De segunda a domingo, de 6h às 22h, com capacidade de 40%, funcionamento com horário marcado e observado os protocolos de biossegurança e com recomendação de sistema de agendamento de horário

Barracas de praia

>> Poderão funcionar de 8h às 0h, com limitação em 50% e obediência às regras de protocolo sanitário. 

>> Piscinas e parques aquáticos dentro de estabelecimentos: autorizadas, mas limitadas a 30% da capacidade

Buffets

>> Aqueles que operam como restaurante: poderão funcionar com limitação de 50% com as mesmas regras do setor alimentação fora do lar

>> Eventos sociais: liberados com capacidade de 200 pessoas para ambientes abertos e 100 pessoas para ambientes fechados; admissão do ingresso de pessoas já vacinadas com duas doses da vacina ou comprovação de testagem negativa para a Covid-19, com exame realizado no prazo máximo de até 48 horas antes do evento. Eventos devem ser realizados entre 9h e 0h.

Eventos diversos e aparelhos culturais ou de lazer

>> Permitida a realização de eventos testes específicos previamente agendados e definidos pelo setor com as autoridades da saúde;

>> Feiras livres: autorizadas, desde que obedecidos o distanciamento mínimo entre os box de venda e clientes e com 50% da capacidade;

>> Piscinas de clubes ou parques aquáticos associados a redes hoteleiras: autorizadas, com ocupação máxima de 60% da capacidade;

>> Teatros, museus, bibliotecas e cinemas: autorizados, com limitação de capacidade de 50%;

>> Parque de diversões: autorizados, com limite de 30% da capacidade;

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Preços do GLP no Nordeste

00:30 | Ago. 23, 2021
Autor
Tipo

Alagoas

Preço Médio - R$ 90,32

Mínima - R$ 80,00

Máxima - R$ 95,00

Bahia

Preço Médio - R$ 86,35

Mínima - R$ 77,99

Máxima - R$ 101,00

Ceará

Preço Médio - R$ 98,14

Mínima - R$ 82,00

Máxima - R$ 110,00

Maranhão

Preço Médio - R$ 94,65

Mínima - R$ 90,00

Máxima - R$ 96,99

Paraíba

Preço Médio - R$ 93,51

Mínima - R$ 79,99

Máxima - R$ 105,00

Pernambuco

Preço Médio - R$ 86,24

Mínima - R$ 75,00

Máxima - R$ 100,00

Piauí

Preço Médio - R$ 98,29

Mínima - R$ 93,00

Máxima - R$ 110,00

Rio Grande do Norte

Preço Médio - R$ 98,69

Mínima - R$ 89,00

Máxima - R$ 110,00

 

Sergipe

Preço Médio - R$ 89,38

Mínima - R$ 83,00

Máxima - R$ 95,00

 Fonte: ANP

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags