PUBLICIDADE
Olimpíadas
NOTÍCIA

Futebol: Brasil enfrentará o Egito nas quartas de final da Olimpíada

12:08 | 28/07/2021
Richarlison é o artilheiro da Olimpíada (Foto: Ayaka Naito / AFP)
Richarlison é o artilheiro da Olimpíada (Foto: Ayaka Naito / AFP)

O Brasil segue firme em sua defesa do título olímpico do futebol masculino após vencer a Arábia Saudita (3 a 1) nesta quarta-feira (28), pela última rodada da fase de grupos. A seleção terminou na liderança do Grupo D e vai enfrentar o Egito, segundo colocado da chave C, nas quartas de final no próximo sábado.

Como já havia acontecido na estreia contra a Alemanha (4-2), o atacante Richarlison foi mais uma vez decisivo contra os sauditas nesta quarta, com dois gols na reta final (minutos 77 e 90+3) de uma partida que começou com o Brasil na frente graças ao gol de Matheus Cunha (14). O atacante do Everton é o artilheiro dos Jogos Olímpicos e revelou inspiração de Ronaldo Fenômeno.

"Estou muito feliz de estar marcando gols. Tenho que agradecer aos meus companheiros que estão fazendo um excelente trabalho também. Por isso que a bola está chegando redonda lá na frente. Então eu estou aproveitando as oportunidades", comemorou Richarlison, em entrevista à Rede Globo.

"Estamos crescendo durante a competição e agora é mata-mata. Temos que errar o menos possível para que possamos sair vitoriosos", acrescentou.

O Brasil saiu na frente após uma cobrança de escanteio de Claudinho que Matheus Cunha desviou de cabeça para marcar seu primeiro gol nestes Jogos, após o pênalti perdido contra Alemanha (4-2) na estreia.

O Brasil poderia ter ampliado com uma cabeçada de Antony (20) que bateu no travessão, mas foi a Arábia Saudita quem empatou (27) após um cruzamento em uma cobrança de falta de Salman Al-Faraj para a área que Abdulelah Alamri desviou para o gol, também de cabeça.

O Brasil desequilibrou na reta final graças a Richarlison, depois que Matheus Cunha (66) desperdiçou uma oportunidade mais cedo ao mandar uma bola na trave com o gol inteiro livre.

Aos 77 minutos, Dani Alves cobrou falta da esquerda, abrindo espaços na defesa saudita e permitindo a Bruno Guimarães alçar a bola de volta ao centro da área, onde Richarlison apareceu de cabeça para desviar ao fundo da rede.

Com o Brasil em vantagem, Richarlison queria se firmar como o artilheiro do torneio, no qual já tem 5 gols, e quase fez seu segundo em uma jogada anulada por impedimento de Malcom.

Nos acréscimos, o camisa 10 brasileiro voltou a comemorar, dessa vez para valer. Ele aproveitou um passe de Reinier e só teve o trabalho de empurrar para o gol.

Em outra partida do Grupo D, a Alemanha (4 pontos) foi eliminada ao empatar em 1 a 1 com a Costa do Marfim, que avançou como segundo colocado, com 5 pontos.

Henrich marcou contra para os marfinenses enquanto Löwen fez de falta para os alemães.

Na primeira posição com 7 pontos, o Brasil vai enfrentar os egípcios, que venceram a Austrália por 2-0 na última rodada do Grupo C e ficaram com o segundo lugar da chave.

A primeira colocada do Grupo C foi a Espanha, que empatou em 1-1 com a Argentina, resultado que eliminou a equipe sul-americana. Os espanhóis enfrentarão a Costa do Marfim no sábado.

No Grupo A, o Japão goleou a França por 4-0 e o México venceu a África do Sul por 3-0. O time da casa ficou em primeiro lugar e os mexicanos em segundo na chave.

Pelo Grupo B, a Coreia do Sul goleou Honduras por 6 a 0 e se classificou em primeiro. A Nova Zelândia avançou em segundo lugar ao empatar em 0 a 0 com a Romênia.

Com os resultados, no sábado o Japão enfrenta a Nova Zelândia e o México encara a Coreia do Sul pelas quartas de final.