Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Recorde absoluto: Tom Brady disputará o décimo Super Bowl na carreira

O quarterback de 43 anos levou o Tampa Bay Buccaneers ao título da NFC e enfrentará o Kansas City Chiefs na decisão da NFL
19:26 | Jan. 25, 2021
Autor Gabriel Lopes
Foto do autor
Gabriel Lopes Estagiário de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Mesmo aparentando estar no fim da carreira, Tom Brady, atualmente com 43 anos, não se cansa de bater recordes e ampliar marcas. Neste domingo, 24, o quarterback conduziu o Tampa Bay Buccaneers ao título da NFC (Conferência Nacional), após vitória por 31 a 26 sobre o Green Bay Packers. Dessa forma, Brady disputará o Super Bowl pela décima vez na carreira, recorde absoluto da NFL. O oponente da decisão será o atual campeão Kansas City Chiefs da jovem estrela Patrick Mahomes, MVP da última final.

A décima aparição de Tom na decisão do título da NFL o coloca ainda mais distante do jogador com mais participações depois dele. O kicker Stephen Gostkowski, pelo New England Patriots, equipe que Brady atuou em nove Super Bowls, e o defensive tackle Mike Lodish, ex-Buffalo Bills e Denver Broncos, jogaram “somente” seis finais da NFL. Dentre os quarterbacks, o segundo melhor colocado neste ranking é John Elway, astro dos Broncos nos anos 1980 e 1990, com cinco participações.

Caso vença os Chiefs na decisão, marcada para o dia 7 de fevereiro, às 20h30min (horário de Brasília), no Raymond James Stadium, em Tampa, casa dos Bucs (primeira equipe a jogar o Super Bowl em casa), Brady chegará a sete títulos da NFL e se isolaria nessa estatística, levando em consideração as eras pré e pós-Super Bowl, que teve a primeira edição em 1967. “Brady Boy” já é o líder isolado em número de anéis de Super Bowl entre jogadores, um a mais que o defensive end Charles Haley, que possui cinco, conquistados quando ele atuou pelo Dallas Cowboys e pelo San Francisco 49ers, entre os anos 1980 e 1990.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Nas decisões anteriores, todas com os Patriots, Brady venceu nos anos de 2002, 2004, 2005, 2015, 2017 e 2019. Ele foi derrotado em apenas três oportunidades, duas vezes para o New York Giants de Eli Manning, em 2008 e em 2012, e uma vez para o Philadelphia Eagles, na ocasião liderado por Nick Foles, em 2018. Nessas disputas, Tom soma quatro troféus de MVP da final.

Além dos feitos individuais para “TB12”, conquistar o título por Tampa Bay representaria uma clara mudança de mentalidade de uma equipe, fundada em 1976 e que só havia participado uma vez do Super Bowl, na temporada 2002-2003 (os Bucs foram campeões após vencer o Oakland Raiders na decisão por 48 a 21). Brady, em sua primeira temporada distante de New England, estaria se provando decisivo fora de um sistema consolidado durante anos por Bill Belichick, um dos maiores treinadores da história da NFL.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar