PUBLICIDADE
Mais Esportes
NOTÍCIA

McLaren desiste do GP da Austrália após funcionário ser diagnosticado com coronavírus; veja vídeo

Equipe inglesa informa que o funcionário já deve entrar em período de quarentena em breve

Vinícius França
08:59 | 12/03/2020
McLaren vai ficar de fora do Grande Prêmio da Austrália
McLaren vai ficar de fora do Grande Prêmio da Austrália (Foto: AFP)

A McLaren postou um comunicado oficial em suas redes sociais informando que desistiu de participar do Grande Prêmio da Austrália, da Fórmula 1, que será no domingo, 15, em Melbourne. Um membro da equipe foi diagnosticado com coronavírus.

"A equipe se preparou para esta eventualidade e dará um suporte contínuo ao seu funcionário, que agora entrará em período de quarentena. A equipe está colaborando com as autoridades locais para auxiliar nas investigações e nas análises", informa a nota oficial. Segundo a McLaren, o membro diagnosticado com Covid-19 já havia se isolado quando começou a sentir os primeiros sintomas e vai começar o tratamento em breve.

A equipe inglesa afirma que a decisão foi tomada com base em "um dever de cuidar não só dos funcionários e parceiros da McLaren, mas também dos competidores da equipe, fãs de Fórmula 1 e sócios majoritários da Fórmula 1".

Veja vídeo: