PUBLICIDADE
Esportes

Medina e Maya Gabeira são indicados ao prêmio Laureus de 2019

Fora de gramados, ondas gigantes ou quadras, as conquistas esportivas são anualmente reconhecidas por meio do prêmio Laureus, considerado o Oscar do Esporte. Em 2019, em cerimônia a ser realizada no dia 18 de fevereiro, em Mônaco, os surfistas Gabriel Medina e Maya Gabeira representarão o Brasil nesta disputa, que ainda contará com Simone Byles, [?]

14:45 | 17/01/2019

Fora de gramados, ondas gigantes ou quadras, as conquistas esportivas são anualmente reconhecidas por meio do prêmio Laureus, considerado o Oscar do Esporte. Em 2019, em cerimônia a ser realizada no dia 18 de fevereiro, em Mônaco, os surfistas Gabriel Medina e Maya Gabeira representarão o Brasil nesta disputa, que ainda contará com Simone Byles, Lewis Hamilton, LeBron James, Luka Modric, Mbappé e outros atletas ? cada um em sua categoria.

Na disputada pelos brasileiros, chamada de Melhor Atleta de Ação, os concorrentes são a austríaca Ana Gasser (snowboard), a australiana Stephanie Gilmore (surfe), a norte-americana Chloe Kim (snowboard) e o norte-americano Shaun White (snowboard). Gabriel Medina foi lembrado para a premiação por conta do bicampeonato mundial conquistado em Pipeline, em dezembro de 2018, enquanto Maya concorre por conta do recorde conquistado em janeiro do mesmo ano, quando surfou uma onda de 20,72m em Nazaré, Portugal.

Além deles, foram divulgados nesta quinta-feira os outros nomes lembrados nas demais categorias. No prêmio de Esportista Masculino do Ano, os indicados são o tenista sérvio Novak Djokovic, o piloto britânico Lewis Hamilton, o jogador de basquete norte-americano LeBron James, o queniano recordista mundial da maratona Eliud Kipchoge, e os jogadores finalistas da Copa do Mundo: o francês e campeão Kylian Mbappé e o croata e vice-campeão Luka Modric.

Já para o prêmio Esportista Feminina do Ano, a ginasta norte-americana Simone Biles, as tenistas Simona Halep (romena) e Angelique Kerber (alemã), a atleta de esqui e snowboard checa Ester Ledecka, a suíça Daniela Ryf (triatlo Iron Man) e a norte-americana Mikaela Shiffrin (esqui) foram as escolhidas. No Time do Ano estão a seleção francesa de futebol (campeã da Copa da Rússia), o Golden State Warriors (bicampeão da NBA), a equipe da Mercedes (campeã de construtores da F1), o time olímpico de inverno da Noruega (líder do quadro de medalhas nos Jogos de PyeongChang) e o Real Madrid (campeão da Liga dos Campeões e Mundial de Clubes).

Na categoria Retorno do Ano, o japonês Yuzuru Hanyu (patinação artística), o canadense Mark McMorris (snowboard), a holandesa Bibian Mentel-Spee (snowboard paraolímpico), a norte-americana Lindsey Vonn (esqui), a indiana Vinesh Phogat (luta olímpica) e o norte-americano Tiger Woods (golfe) foram os indicados, enquanto na categoria Revelação do Ano estão a jamaicana Briana Williams (atletismo), o galês Geraint Thomas (ciclismo), a espanhola Ana Carrasco (motovelocidade), a italiana Sofia Goggia (esqui), a japonesa Naomi Osaka (tênis) e o norueguês Jakob Ingebrigtsen.

Para finalizar, no prêmio Atleta Paralímpico do Ano, os escolhidos foram a eslovaca Henrieta Farkasanova (esqui), o grego Grigorios Polychronidis (bocha), o alemão Markus Rehm (atletismo), a holandesa Diede De Groot (tênis em cadeira de rodas), a norte-americana Oksana Masters (esqui) e o canadense Brian McKeever (esqui).

Ao todo, são sete categorias no Prêmio Laureus, que neste ano será entregue em cerimônia no dia 18 de fevereiro, em Mônaco. Os indicados foram anunciados após votação da mídia esportiva mundial e os vencedores são escolhidos por 66 membros da Laureus World Sports Academy.

Gazeta Esportiva

TAGS