PUBLICIDADE
Esportes

Com grande segundo quarto, Minas vence Joinville no NBB

Neste sábado, Minas engatou sua sétima vitória no NBB. Jogando no Centreventos Cau Hansen, em Joinville, o time mineiro superou os donos da casa por 89 a 80. O destaque ficou por conta da atuação especialmente no segundo quarto, quando os visitantes bateram o rival por 26 a 10 na parcial, depois de um primeiro período [?]

19:15 | 19/01/2019

Neste sábado, Minas engatou sua sétima vitória no NBB. Jogando no Centreventos Cau Hansen, em Joinville, o time mineiro superou os donos da casa por 89 a 80. O destaque ficou por conta da atuação especialmente no segundo quarto, quando os visitantes bateram o rival por 26 a 10 na parcial, depois de um primeiro período de pouca inspiração ofensiva.

Com o resultado positivo conquistado neste sábado, Minas chegou à sétima vitória na competição e segue em busca de uma vaga nos playoffs do NBB. Enquanto isso, Joinville segue amargando a vice-lanterna, com apenas quatro vitórias em 16 jogos. O time de Belo Horizonte volta à quadra já na próxima segunda-feira para medir forças com Mogi e Joinville joga na terça, quando terá pela frente o Flamengo.

O JOGO

Depois de um início equilibrado, o primeiro quarto da partida teve a equipe do Joinville como protagonista. Mais eficiente na defesa e forçando menos no ataque, o time conseguiu abrir vantagem diante de Minas, que não conseguiu se sobressair no quesito dos rebotes defensivos. No fim, a parcial terminou a favor do time catarinense por 26 a 21.

Se nos primeiros 10 minutos Minas teve uma postura mais cautelosa, no segundo quarto o time comandado por Flávio Aurélio Soares mostrou um basquete muito mais agressivo em relação a cesta e com uma defesa melhor postada. Foi assim, inclusive, que Joinville acabou dominado, vendo a vantagem ir por água abaixo na ida para os vestiários e com o rival triunfando na parcial por 26 a 10 à frente no marcador.

No terceiro quarto, o equilíbrio foi novamente a marca da partida. Intensos nos dois lados da quadra, os times conseguiram limitar os ataques adversários, mas com o time mineiro mais eficiente para manter a vantagem construída principalmente na segunda parcial.

Nos 10 últimos minutos, o time da casa até esboçou uma reação, mas na mesma proporção em que passou a arriscar mais do perímetro contribuiu para a supremacia de Minas no garrafão. Foi dessa forma que a equipe de Belo Horizonte controlou a partida e venceu por 89 a 80.

Gazeta Esportiva

TAGS