Por ascensão do Jazz, Gobert coloca All-Star Game em segundo planoMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Por ascensão do Jazz, Gobert coloca All-Star Game em segundo plano

Eleito o melhor jogador de defesa da última temporada da NBA, o pivô Rudy Gobert é um dos cotados para fazer parte do All-Star Game, partida de exibição que reúne os principais atletas da liga norte-americana de basquete. Perguntado em entrevista coletiva no formato de teleconferência, que contou com a presença da Gazeta Esportiva, sobre a possível presença [?]

10:45 | 13/12/2018

Eleito o melhor jogador de defesa da última temporada da NBA, o pivô Rudy Gobert é um dos cotados para fazer parte do All-Star Game, partida de exibição que reúne os principais atletas da liga norte-americana de basquete. Perguntado em entrevista coletiva no formato de teleconferência, que contou com a presença da Gazeta Esportiva, sobre a possível presença no emblemático jogo comemorativo, o francês se disse honrado, mas lembrou que o foco principal tem que ser o Utah Jazz.

?Nesta liga, devemos pensar apenas na vitória. Seria uma grande realização ser All-Star, mas não jogo apenas para isso. Estou focado principalmente em ganhar partidas com o Utah. Tudo é uma questão de vitórias. E, da minha parte, se eu for um bom líder, defensivamente, claro, mas também ofensivamente, e levar minha equipe às primeiras colocações, a recompensa virá. Mas por enquanto isso não me vem na cabeça. Estou apenas focado em voltar ao topo da Conferência Oeste com o Jazz?, disse Gobert.

No início da temporada, a expectativa colocada em cima do Utah Jazz era de uma boa campanha, mas, com 29 partidas disputadas, a franquia só conseguiu 14 vitórias e ocupa a 12ª colocação. Quando questionado sobre o nível da Conferência Oeste após a chegada de LeBron James e outras estrelas nos últimos anos, Rudy Gobert disse que isso não é motivo para o desempenho aquém das expectativas na competição.

?A disputa na Conferência Oeste sempre foi dura desde que entrei na liga. Obviamente, a chegada de jogadores do calibre de LeBron mudou um pouco o equilíbrio, mas é prematuro olhar para a classificação agora. Temos que raciocinar um jogo de cada vez ?, analisou o francês.

O Utah Jazz busca o início de uma arrancada na NBA neste sábado, quando enfrenta o Orlando Magic, na México City Arena, localizada na capital mexicana.

* Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS