Ricardo Molina reassume presidência da LBFMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Ricardo Molina reassume presidência da LBF

Depois de alguns meses afastado por motivos pessoais, Ricardo Molina está de volta ao cargo de Presidente da Liga de Basquete Feminino, entidade responsável pela realização do Campeonato Nacional Feminino de Clubes ? LBF CAIXA. Após cumprir um ano como presidente tampão em 2017, Molina foi eleito pelos clubes para presidir a entidade no período [?]

09:00 | 27/11/2018

Depois de alguns meses afastado por motivos pessoais, Ricardo Molina está de volta ao cargo de Presidente da Liga de Basquete Feminino, entidade responsável pela realização do Campeonato Nacional Feminino de Clubes ? LBF CAIXA.

Após cumprir um ano como presidente tampão em 2017, Molina foi eleito pelos clubes para presidir a entidade no período de 2018 a 2021. Neste pequeno tempo que esteve à frente da LBF, Molina conseguiu apresentar uma nova cara para a elite do basquete feminino nacional de clubes.

E as mudanças já implementadas foram sentidas por toda comunidade do Basquete e resultaram em algumas transformações benéficas para a instituição. Entre essas melhorias destaca-se a profissionalização da gestão interna da LBF, a redução nos custos internos e o aperfeiçoamento da estrutura da competição.

?Estou muito feliz por voltar à casa. Meu objetivo sempre foi a profissionalização da LBF para que, independente do presidente, as atividades e organização se mantivessem e isso aconteceu e me deixou muito orgulhoso. Parabenizo ao Valter Ferreira, vice-presidente que assumiu a entidade por este período, ao Conselho de Administração, aos clubes e a equipe de gestão capitaneada pelo Fernando Maroni?, comentou o presidente Ricardo Molina.

Molina também falou sobre o aumento de investimento nas equipes previsto no planejamento. ?Uma das nossas decisões estratégicas foi por um maior investimento nas equipes. Na temporada de 2019 da LBF elas terão custos operacionais pagos pela LBF, como taxas de arbitragem e passagens áreas, além de um pacote de benefícios coletivos como Clipagem, Relatório de Retorno de Mídia, fornecimento de bolas, Media Day e a devolução duplicada do valor investido na inscrição da equipe?, completou.

A nona edição da competição feminina de basquete terá início entre o fim de fevereiro e começo de março de 2019. O anúncio das equipes participantes acontece na primeira semana de dezembro.

Gazeta Esportiva

TAGS