Cilic vence Goffin e reencontra Nishikori nas quartas do Aberto dos EUAMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Cilic vence Goffin e reencontra Nishikori nas quartas do Aberto dos EUA

Quatro anos depois de fazerem a grande final do Aberto dos Estados Unidos, Marin Cilic e Kei Nishikori vão se reencontrar em Flushing Meadows, agora pelas quartas de final. Para tanto, o croata derrotou o belga e número dez do mundo, David Goffin por 7/6 (8-6), 6/2 e 6/4, em 2h23 de partida nesta segunda-feira. Esta [?]

22:30 | 03/09/2018

Quatro anos depois de fazerem a grande final do Aberto dos Estados Unidos, Marin Cilic e Kei Nishikori vão se reencontrar em Flushing Meadows, agora pelas quartas de final. Para tanto, o croata derrotou o belga e número dez do mundo, David Goffin por 7/6 (8-6), 6/2 e 6/4, em 2h23 de partida nesta segunda-feira.

Esta é a quinta vez que Cilic chega às quartas de final do US Open e agora tenta sua sexta semifinal de Grand Slam na carreira. Para seguir vivo na briga pelo bicampeonato em Nova York, o croata terá que superar um retrospecto desfavorável contra Nishikori: 8 a 6 para o japonês.

No entanto, seu primeiro e único título de Grand Slam foi vencido justamente nos EUA e em cima de Nishikori. No US Open, os tenistas se enfrentaram duas vezes, com uma vitória japonesa em 2010 e uma croata em 2012.

A partida começou complicada para o número sete do mundo, que sofreu a quebra se saque logo no game inaugural do duelo. Nenhum dos dois pressionava o adversário. Goffin só havia perdido três pontos em seu serviço até o momento em que liderava por 5/3, mas acabou quebrado quando sacava para fechar. No tie-break, foram nove mini-breaks no total, cinco a favor de Cilic, que virou e conseguiu largar na frente.

A segunda parcial foi mais movimentada, com mais chances de quebras para ambos os lados. E quem soube aproveita melhor as oportunidades foi o croata, que apesar de ceder um serviço, quebrou outros três para fechar e abrir 2 a 0.

O terceiro e último set teve apenas uma quebra de saque para Cilic no quinto game. Com a vitória encaminhada, o número sete ainda viu Goffin salvar dois match-points, além de ter um break point, mas se manteve e confirmou o triunfo.

Gazeta Esportiva

TAGS