Aderllan exalta papel de Carpegiani para arrumar defesa do VitóriaMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Aderllan exalta papel de Carpegiani para arrumar defesa do Vitória

O Vitória vive seu melhor momento no Campeonato Brasileiro. As constantes goleadas deram lugar a jogos sem sofrer gols, que impulsionaram a equipe na tabela. Sem perder há quatro jogos, o time comandado por Paulo César Carpegiani deixou a zona de rebaixamento e já ocupa a 12ª colocação. O bom momento fica claro na entrevista [?]

18:15 | 13/09/2018

O Vitória vive seu melhor momento no Campeonato Brasileiro. As constantes goleadas deram lugar a jogos sem sofrer gols, que impulsionaram a equipe na tabela. Sem perder há quatro jogos, o time comandado por Paulo César Carpegiani deixou a zona de rebaixamento e já ocupa a 12ª colocação. O bom momento fica claro na entrevista coletiva de Aderllan, nesta quinta-feira.

Bem-humorado, o zagueiro chegou a citar o apresentador Carlos Alberto de Nóbrega para explicar o sentimento de ficar no banco de reservas. ?Ninguém vai falar que está feliz no banco de reservas. Só quem fica feliz é o Carlo Alberto de Nóbrega, da Praça é Nossa. É o único que fica 50 anos ali. Claro, eu vinha de lesão, o momento agora é bom, sem sofrer gols, e tenho a humildade de esperar o meu momento?, disse.

O tom engraçado da fala do jogador deu lugar a seriedade quando o assunto foi a troca de treinador e a consequente melhora de rendimento do time. ?A diferença somos nós jogadores. É um ciclo. Primeiro foram três ou quatro jogadores mandados embora, que os contratos estavam vencendo, depois o diretor, o Mancini. E a gente sabia que depois da derrota para o Palmeiras, não fomos para a última posição, mas batemos no fundo do poço e tínhamos que dar a resposta. Falava para alguns companheiros meus que quando a gente bate no fundo do poço, você só tem como subir?, declarou.

Por fim, o ex-São Paulo exaltou o papel de Carpegiani para arrumar a defesa do Rubro-Negro Baiano. ?Das outras vezes era mais complicado vir aqui e falar da mesma coisa, do mesmo ponto, da gente estar sofrendo gols. Temos que frisar a importância do treinador que soube armar, principalmente os pontos negativos que nós tínhamos, e hoje dar os parabéns também ao Ramon, Lucas Ribeiro, que fizeram três partidas complicadas, contra Atlético-MG, América-MG e Vasco?, finalizou.

O Vitória é o 12º colocado do Campeonato Brasileiro, com 29 pontos. Visando saltar ainda mais na tabela, o time enfrenta o Ceará, no Castelão, neste sábado, às 16 horas (de Brasília).

 

Gazeta Esportiva

TAGS