Com ajuda da chuva, Hamilton supera Ferrari e garante pole na BélgicaMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Com ajuda da chuva, Hamilton supera Ferrari e garante pole na Bélgica

O final de semana foi todo da Ferrari: superioridade nos três treinos livres e até mesmo nas duas primeiras sessões do treino classificatório. Entretanto, contando com uma ajuda indireta da pista molhada de Spa-Francorchamps, na Bélgica, o britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, cravou mais uma pole position e largará à frente em uma corrida pela [?]

11:30 | 25/08/2018

O final de semana foi todo da Ferrari: superioridade nos três treinos livres e até mesmo nas duas primeiras sessões do treino classificatório. Entretanto, contando com uma ajuda indireta da pista molhada de Spa-Francorchamps, na Bélgica, o britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, cravou mais uma pole position e largará à frente em uma corrida pela 78ª vez.

Pela 13ª etapa do calendário da Fórmula 1, o tetracampeão mundial fez a marca de 1min58s179 e carimbou a primeira posição para este domingo. Hamilton foi seguido por Vettel e, surpreendentemente, Esteban Ocon e Sergio Perez, da Force India, em terceiro e quarto, respectivamente.

Vettel consolida superioridade da Ferrari no último treino livre da Bélgica

FIA esclarece situação de motores e câmbio da â??novaâ? Force India

No Q1, o finlandês Kimi Raikkonen provou que estava â??voando baixoâ?. Logo no início da sessão, o Homem de Gelo foi à pista para somente um tempo: 1min42s585, suficiente para lhe garantir a liderança inicial e colocá-lo cerca de meio segundo à frente de seu companheiro de equipe, Sebastian Vettel.

Os eliminados de tal parte do treino no circuito de Spa-Francorchamps foram Stoffel Vandoorne (McLaren), Lance Stroll (Williams), Sergey Sirotkin (Williams), Fernando Alonso (McLaren) e Carlos Sainz Jr. (Renault).

Na sessão seguinte, mais uma vez Raikkonen deu amostras de sua superioridade na pista e no final de semana. O campeão mundial de 2007 anotou o tempo de 1min41s627, então volta mais rápida da história de Spa-Francorchamps. Hamilton o seguia de perto.

Foi na parte final do Q2 que as primeiras ameaças de chuva surgiram com contundência. Também próximo do encerramento da sessão, Vettel enfim â??acertouâ? o carro, correu de maneira mais eficiente e desbancou o recorde do companheiro de Ferrari: 1min41s501. Assim que o Q2 acabou, a chuva caiu.

Assim que o relógio começou a contar pela última parte do treino deste sábado, todos os pilotos saíram dos boxes para tentar acertar um tempo com a pista ainda ligeiramente seca, antes que o uso de pneus intermediários fosse necessário.

Entretanto, Bottas, da Mercedes, rodou sozinho em sua primeira volta no Q3. Este foi o alerta para que os pilotos restantes efetuassem a troca de pneus e fossem para o circuito de Spa-Francorchamps em condições diferentes das vistas nos treinos livres.

Na pista molhada, os últimos minutos de Q3 foram emocionantes. Pegando a pista em melhores condições, Lewis Hamilton conseguiu cravar o melhor tempo, ficando à frente de Vettel, que não conseguiu melhorar a marca, e também de Raikkonen, que ficou nos boxes quando o circuito estava mais seco.

A grande surpresa foi a presença de Esteban Ocon, da Force India, na terceira colocação do grid de largada, e também de Sergio Perez, seu companheiro de equipe, em quarto.

�s 10h10 (horário de Brasília) deste domingo, o Grande Prêmio da Bélgica, 12ª etapa da temporada 2018 da Fórmula 1, terá seu início. O atual líder da tabela de classificação dos pilotos da categoria é o britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, com 213 pontos conquistados.

Gazeta Esportiva

TAGS