PUBLICIDADE
Esportes

Álvaro Filho e Luciano avançam às oitavas de final na etapa de Haiyang

Álvaro Filho e Luciano superaram dois adversários, na etapa três estrelas de Haiyang, da China, pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2018, nesta quinta-feira, e já se garantiram nas oitavas de final do torneio. Thiago e George foram superados na estreia, mas seguem com chances de seguir na competição se vencerem nesta sexta-feira, ainda pela [?]

11:30 | 19/07/2018

Álvaro Filho e Luciano superaram dois adversários, na etapa três estrelas de Haiyang, da China, pelo Circuito Mundial de vôlei de praia 2018, nesta quinta-feira, e já se garantiram nas oitavas de final do torneio. Thiago e George foram superados na estreia, mas seguem com chances de seguir na competição se vencerem nesta sexta-feira, ainda pela fase de grupos.

Alvinho e Luciano começaram o dia vencendo os tailandeses Nuttanon Inkiew e Sedtawat Padsawud por 2 sets a 0 (21/18, 21/12), em 33 minutos, na primeira partida do grupo E. Horas mais tarde, valendo a liderança, o paraibano e o capixaba superaram os alemães Alexander Walkenhorst e Sven Winter por 2 sets a 0 (21/19, 21/18), em 39 minutos de duração.

Com a liderança e vaga antecipada às oitavas de final, Alvinho e Luciano voltam à quadra no próximo sábado, após a definição dos adversários da repescagem.

No grupo C, Thiago e George foram superados pelos norte-americanos Troy Field e Adam Roberts por 2 sets a 0 (21/19, 21/17), em 32 minutos. Para seguirem no torneio, os brasileiros precisam superar nesta sexta-feira os austríacos Simon Fruhbauer e Jorg Wutzl para avançarem à repescagem, que ocorre no mesmo dia.

A etapa de Haiyang é a terceira de cinco etapas do nível três estrelas do Circuito Mundial 2018. Desde 2017, as competições são classificadas de uma a cinco estrelas de acordo com a pontuação e a premiação que oferecem aos atletas, com eventos espalhados pelo planeta.

O torneio três estrelas na China rende 10 mil dólares aos campeões de cada naipe e 600 pontos no ranking geral do tour, distribuindo no total. Nesta temporada, o Brasil já conquistou 21 medalhas no Circuito Mundial (oito de ouro, nove de prata e quatro de bronze).

Gazeta Esportiva

TAGS