Melhor Sexto Homem conhece seus finalistas na premiação do NBBMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Melhor Sexto Homem conhece seus finalistas na premiação do NBB

A premiação do NBB divulgou os três finalistas de Melhor Sexto Homem da temporada. Com o, agora ex-capitão do Flamengo, Marcelinho concorrendo novamente na categoria que venceu em 2015/16. O rubro-negro concorre com ala/armador Deryk Ramos (Paulistano/Corpore) e o armador argentino Enzo Cafferata (Banrisul/Caxias Basquete). Aos 43 anos, Marcelinho fez todos os jogos da temporada como reserva do Flamengo e acumulou médias de [?]

15:00 | 30/05/2018

A premiação do NBB divulgou os três finalistas de Melhor Sexto Homem da temporada. Com o, agora ex-capitão do Flamengo, Marcelinho concorrendo novamente na categoria que venceu em 2015/16. O rubro-negro concorre com ala/armador Deryk Ramos (Paulistano/Corpore) e o armador argentino Enzo Cafferata (Banrisul/Caxias Basquete).

Aos 43 anos, Marcelinho fez todos os jogos da temporada como reserva do Flamengo e acumulou médias de 8 pontos, 2,9 assistências, 2,7 rebotes e 9,5 de eficiência, com direito a 36,6% de aproveitamento nas bolas de 3 pontos. Além desse troféu, conquistado em 2016, ele tem em seu currículo diversas premiações individuais no campeonato: duas de MVP (08/09 e 09/10), três de Cestinha (08/09, 09/10 e 10/11) e duas de Melhor Ala (08/09 e 09/10).

Já Deryk Ramos foi peça crucial para a ida do Paulistano a mais uma Final de NBB. Também reserva em todos os jogos da temporada, o ala/armador de 24 anos é nada menos que o cestinha da equipe, com média de 12,6 pontos por jogo. Além disso, é o líder em bolas de 3 pontos de toda a competição, com média de 2,7 convertidas por jogo, com direito a 37,8% de aproveitamento.

Por sua vez, o argentino Enzo Cafferata foi um dos grandes destaques da histórica campanha do Caxias no NBB. Com apenas um jogo como titular durante toda a temporada, o armador colaborou com sólidas médias de 9,3 pontos, 2,2 assistências e um aproveitamento de 40% nas bolas de 3 pontos.

Os atletas foram os mais votados em eleição que contou com a participação de técnicos, assistentes e capitães das 15 equipes que disputaram a atual edição do NBB CAIXA, além de imprensa especializada, personalidades do basquete brasileiro, comissários e árbitros.

Confira os vencedores do prêmio de Melhor Sexto Homem na história do NBB:

2016/2017 ? Arthur Pecos (Paulistano)

2015/2016 ? Marcelinho Machado (Flamengo)

2014/2015 ? Vitor Benite (Flamengo)

2013/2014 ? Hélio (Limeira)

2012/2013 ? Léo Meindl (Franca)

2011/2012 ? Paulinho Boracini (Pinheiros)

2010/2011 ? Vitor Benite (Franca)

2009/2010 ? Nezinho (Brasília)

2008/2009 ? Fred (Flamengo)

Gazeta Esportiva

TAGS