PUBLICIDADE
Esportes

Márquez reconhece erros mas não se arrepende das decisões tomadas

No último final de semana, Cal Crutchlow foi o vencedor do evento da Argentina da Moto GP. No entanto, quem realmente chamou atenção foi Marc Márquez. O tetracampeão da categoria se envolveu em algumas polêmicas na prova, o que acarretou na transformação de sua quinta colocação numa 18ª posição devido às punições. Em um evento realizado [?]

15:45 | 10/04/2018

No último final de semana, Cal Crutchlow foi o vencedor do evento da Argentina da Moto GP. No entanto, quem realmente chamou atenção foi Marc Márquez. O tetracampeão da categoria se envolveu em algumas polêmicas na prova, o que acarretou na transformação de sua quinta colocação numa 18ª posição devido às punições.

Em um evento realizado pela patrocinadora do espanhol e seu irmão, Alex Márquez, campeão mundial da Moto 3, nesta terça-feira em São Paulo, o jovem piloto de 25 anos não fugiu das pergunta sobre as polêmicas, reconhecendo o seu erro afirmando sair fortalecido com os aprendizados da prova.

A primeira polêmica já aconteceu logo na largada, quando seu motor sofreu um problema e o piloto o resolveu o problema no tranco, o que resultou a perda de algumas posições. Mais tarde, o piloto se envolveu em dois acidentes na prova, sendo um deles com Valentino Rossi, que chegou a chamar o espanhol de piloto ?sujo?.

?Foi uma prova divertida. Por todas as condições meteorológicas, por tudo que aconteceu na largada. Eu tive problemas com a moto, o que pode acontecer com qualquer marca do mundo. Com esses problemas, tive que passar por um processo de recuperação, o que foi dificultado pelas condições da pista?, avaliou o piloto sobre a largada.

?Depois acabei me envolvendo em algumas polêmicas. Eu já sei que cometi erros e fui penalizado. Pedi desculpas aos outros pilotos, inclusive ao próprio Valentino Rossi. Mas essas coisas acontecem. Somos humanos, erramos e agora é hora de aprender com as falhas?, garantiu o condutor.

Logo depois das explicações, o piloto da Honda foi questionado se se arrependia de alguma decisão que tomou durante a prova em Termas de Río Hondo. Márquez garantiu que não faria nada de diferente e afirmou que só fez as coisas que consideradas corretas naquele momento.

Não faria nada diferente na Argentina. Naquele momento fiz o que considerava certo. Tive um problema no início e era obrigado a me recuperar e tomei as decisões que considerava importante naquele momento. Mas depois de cada corrida o importante é reconhecer os erros e aprender. Quando fiz algo errado só pensava em fazer algo bom. Errei, fui penalizado, aprendi e me desculpei com os outros pilotos. Todos os pilotos durante suas carreiras tiveram situações deste tipo.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS