PUBLICIDADE
Esportes

Boeck e Gustavo vão ao ginásio torcer pelo Basquete Cearense e roubam a cena ao fim da partida

22:54 | 11/04/2018
NULL
NULL
[FOTO1] Em meio a disputa acirrada na quadra do Ginásio Paulo Sarasate, entre Basquete Cearense e Pinheiros, dois personagens roubaram atenção da torcida presente por alguns minutos, na noite desta quarta-feira (11).

O goleiro Marcelo Boeck e o atacante Gustavo, ambos do Fortaleza, chegaram já no último período do jogo, acompanhados das esposas, e mesmo de pé num cantinho abaixo da arquibancada atraíram olhares.

Dos dois, o mais empolgado era Gustavo. Mesmo conversando com a reportagem do POVO ele não tirava o olho da quadra e interrompeu as respostas várias vezes para torcer em diferentes jogadas.

“Gosto muito de basquete. Já fui aos Estados Unidos, em Orlando, só pra realizar meu sonho de assistir uma partida da NBA. Já tinha recebido vários convites para vir aqui e hoje deu certo. Cheguei atrasado, mas espero sair com a vitória”, disse.

Boeck confessou que inclusive já jogou basquete quando criança e por isso tem afinidade com ele. “Eu sou de uma região que tinha o time do Corinthians de Basquete que foi campeão muitas vezes na década de 1990 e meus pais me levavam muito pra ver. Também sou fã da NBA, tenho camisa do LeBron James, vi Michael Jordan jogar, então, sabendo do bom momento do nosso representante vim aqui prestigiar", disse.

Ao fim da partida ele foram tão assediados quanto os jogadores do Caracará. Fotos, vídeos, autógrafos. Foi o momento em que a torcida presente no Paulo Sarasate deixou de vestir a mesma camisa para tietar os atletas do clube de coração do futebol.
TAGS