PUBLICIDADE
Esportes

Em ano de despedida, veterano Marcelinho é reverenciado por Varejão

Companheiros no Flamengo, Marcelinho Machado e Anderson Varejão participaram na manhã desta sexta-feira de um evento para promover o Jogo das Estrelas. Aos 42 anos de idade, em sua temporada de despedida como atleta profissional, o veterano foi reverenciado em São Paulo. Varejão acertou seu retorno ao Brasil após uma longa trajetória no exterior, com [?]

12:15 | 16/03/2018

Companheiros no Flamengo, Marcelinho Machado e Anderson Varejão participaram na manhã desta sexta-feira de um evento para promover o Jogo das Estrelas. Aos 42 anos de idade, em sua temporada de despedida como atleta profissional, o veterano foi reverenciado em São Paulo.

Varejão acertou seu retorno ao Brasil após uma longa trajetória no exterior, com passagens por Barcelona, Cleveland Cavaliers e Golden State Warriors. De acordo com o jogador, a presença do amigo Marcelinho Machado no Flamengo foi decisiva para a negociação.

?O Marcelinho sempre foi um líder para nossa geração dentro da Seleção. É alguém que admiro muito pela carreira e por tudo que fez. É muito direto e, às vezes, tem gente que não entende muito o Marcelinho. Ele fala na cara o que tem que falar e acho que a pessoa deve ser assim mesmo?, disse Varejão, satisfeito com a decisão de voltar.

?Poder retornar ao Brasil e fazer parte desse último ano de carreira do Marcelinho foi uma coisa que mexeu muito comigo. É um momento muito especial para ele e para o basquete brasileiro. Sou flamenguista, mas ele é um cara que pesou muito para eu fechar com o clube?, reiterou.

Anderson Varejão resolveu reverenciar o amigo publicamente durante sua primeira intervenção no evento realizado para promover o Jogo das Estrelas, sem ser questionado sobre o assunto. Sentado ao lado do ex-jogador da NBA, Marcelinho Machado se disse lisonjeado.

?Vai fazer o velho chorar!?, sorriu. ?Ouvir isso da boca do Anderson é incrível. Eu vi ele crescer como pessoa e como atleta. Lembro de um jogo em Franca que você estava do lado de fora do ônibus com sua irmã e pediu para eu descer para tirar foto com ela. Essas coisas que o esporte nos dá não tem preço?, afirmou.

Em clima descontraído, Varejão citou uma foto antiga em que o amigo ?ainda tinha cabelo? e disse que ele poderia ser avô do jovem Yago Mateus, de 19 anos, também presente ao evento. Marcelinho, por sua vez, garantiu que o retorno do Varejão serviu para impulsionar as vendas de perucas no estilo Cauby Peixoto.

Gazeta Esportiva

TAGS