PUBLICIDADE
Esportes

Del Potro vence Thiem e define semifinais do ATP 500 de Acapulco

Na madrugada desta quinta-feira, Juan Martin Del Potro mostrou mais uma vez porque vive um excelente momento no circuito mundial da ATP e que pode ser favorito nos principais torneios na temporada. O argentino venceu Dominic Thiem por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 7/6 e se classificou para as semifinais do ATP [?]

09:45 | 02/03/2018

Na madrugada desta quinta-feira, Juan Martin Del Potro mostrou mais uma vez porque vive um excelente momento no circuito mundial da ATP e que pode ser favorito nos principais torneios na temporada. O argentino venceu Dominic Thiem por 2 sets a 0, parciais de 6/2 e 7/6 e se classificou para as semifinais do ATP 500 de Acapulco.

O primeiro set foi marcado por muitos erros não forçados do austríaco e imposição de Del Potro, que venceu a primeira parcial sem muitos sustos. Já no segundo set, Thiem conseguiu dar mais dificuldade para o adversário sul-americano, mas não conseguiu evitar a derrota no tiebreak, por 9 a 7.

Com a vitória, Del Potro terá mais um difícil duelo para se manter vivo no torneio. O argentino de 1,98 (curiosamente a mesma altura do seu próximo adversário) enfrentará o número cinco do mundo Alexander Zverev. O jovem jogador ficou muito perto de ser eliminado na segunda rodada, mas mostrou muita consistência diante de Harrison pelas quartas de final e deve ser o oponente mais difícil de Delpo na temporada.

Caso o argentino vença o torneio, será a sétima conquista de Del Potro de um torneio de nível 500 e com isso se manterá como um dos principais tenistas do ranking, já que continuará entre os dez primeiros e ficará mais perto de alcançar o Top 5. Além disso, será o vigésimo primeiro título na carreira de ?Delpo? e ultrapassará nomes importantes como próprio Guga, que teve vinte títulos durante o período que fez história no circuito mundial.

Na outra semifinal, uma das promessas da nova geração Jared Donaldson, encara o já experiente Kevin Anderson, finalista do Aberto do Estados Unidos no ano passado. Ambos os tenistas nunca ganharam um torneio de nível 500 da ATP e devem fazer um jogo com bastante agressividade na linha de base, além de pontos curtos já que tanto o americano como o sul-africano têm excelentes serviços.

Gazeta Esportiva

TAGS