PUBLICIDADE
Esportes

Federer supera Dimitrov e é tricampeão em Roterdã

O favoritismo de Roger Federer foi confirmado, neste domingo, na final do ATP de Roterdã. O suíço levou a melhor em cima do búlgaro Grigor Dimitrov, com duplo 6/2, para se sagrar tricampeão na quadra holandesa. A partida decisiva durou 55 minutos. O segundo título do ano foi também o 97º da carreira do atual número um. [?]

13:30 | 18/02/2018

O favoritismo de Roger Federer foi confirmado, neste domingo, na final do ATP de Roterdã. O suíço levou a melhor em cima do búlgaro Grigor Dimitrov, com duplo 6/2, para se sagrar tricampeão na quadra holandesa. A partida decisiva durou 55 minutos.

O segundo título do ano foi também o 97º da carreira do atual número um. Ele consolida assim sua 15ª temporada em que ganha pelo menos dois troféus. Além das boas marcas, o atleta também faturou 401.580 euros (cerca de R$ 1,6 milhão) na 44º edição do torneio europeu.

Firme no saque, Dimitrov exigiu paciência de Federer, que soube administrar bem a partida. Vendo erros do rival, ele quebrou o adversário em duas oportunidades para fazer cinco pontos consecutivos no primeiro set e fechá-lo com facilidade, em apenas 25 minutos.

A segunda parcial não foi diferente: Federer abriu à frente, manteve jogadas consistentes e viu seu amigo tentar encostar, evitando break point. Sem sucesso na busca pela recuperação, Dimitrov termina o torneio como quarto do mundo, superando o alemão Alexander Zverev.

Nas duplas, os franceses Pierre Herbert e Nicolas Mahut conquistaram seu 11º título juntos. Eles derrotaram o austríaco Oliver Marach e o croata Mate Pavic, neste domingo, com parciais de 6/2, 2/6 e 10-7, em 1h10 de disputa.

Gazeta Esportiva

TAGS