Derrotado, Wild afirma: ?Tenho mais tênis do que vários jogadores daqui?Mais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Derrotado, Wild afirma: ?Tenho mais tênis do que vários jogadores daqui?

Mesmo derrotado em sua estreia no circuito profissional da ATP, o jovem brasileiro Thiago Wild, de somente 17 anos, mostrou confiança em seu estilo de jogo em entrevista concedida após o final da partida desta segunda-feira. Eliminado em seu primeiro jogo no Aberto do Brasil pelo argentino Carlos Berlocq, número 131 do mundo, o tenista [?]

09:30 | 27/02/2018

Mesmo derrotado em sua estreia no circuito profissional da ATP, o jovem brasileiro Thiago Wild, de somente 17 anos, mostrou confiança em seu estilo de jogo em entrevista concedida após o final da partida desta segunda-feira. Eliminado em seu primeiro jogo no Aberto do Brasil pelo argentino Carlos Berlocq, número 131 do mundo, o tenista do país analisou o confronto e demonstrou acreditar que seu nível de atuação é superior ao de alguns participantes do ATP 250 de São Paulo.

?Comecei a partida em uma intensidade muito alta, em um ritmo de jogo que não estou acostumado a jogar, realmente é um patamar que ainda vou alcançar. ?Tenisticamente? falando, eu já cheguei, tenho mais tênis do que vários jogadores daqui, mas a parte física ainda fica um pouco para trás?, declarou.

Ainda falando sobre suas condições físicas, a promessa do país destacou que precisa aprender a administrar melhor seu ritmo de jogo durante uma partida. No duelo contra Berlocq, Wild começou muito bem, mas viu sua intensidade cair ao longo da partida e teve que lidar com cãibras na reta final da disputa.

?Tenho que aprender a lidar melhor com certos momentos, dosar um pouco mais a energia e estipular os momentos mais importantes (da partida)?, afirmou.

Por fim, o número 620 do mundo voltou a comentar sua estreia no Aberto do Brasil, enfatizando que planeja disputar mais torneios entre os profissionais e entrar de vez no circuito oficial da ATP.

?Levei um pouco de azar em algumas horas. Foi um jogo bem bacana, torcida presente, bem igual. Vou jogar outros torneios grandes este ano e vou voltar melhor?, prometeu o jovem atleta.

* Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS