PUBLICIDADE
Esportes

De virada, Cruzeiro vence e continua líder da Superliga masculina

O Cruzeiro permanece líder da Superliga masculina de vôlei. Jogando no Ginásio Riacho, em Contagem, os mineiros derrotaram a equipe do Montes Claros por 3 sets a 1, neste sábado, e conseguiram fazer a manutenção da primeira colocação na tabela da competição brasileira. As parciais do confronto ficaram em 17/25, 25/20, 25/20 e 25/20 em [?]

21:15 | 24/02/2018

O Cruzeiro permanece líder da Superliga masculina de vôlei. Jogando no Ginásio Riacho, em Contagem, os mineiros derrotaram a equipe do Montes Claros por 3 sets a 1, neste sábado, e conseguiram fazer a manutenção da primeira colocação na tabela da competição brasileira. As parciais do confronto ficaram em 17/25, 25/20, 25/20 e 25/20 em favor do time de Marcelo Mendez.

No primeiro set, a equipe celeste foi surpreendida pelos visitantes. O Montes Claros dominou o confronto após um início equilibrado entre os dois times e saiu com a vitória parcial, por 25 a 17, sem dificuldades.

Já na segunda rodada, o cenário mudou. O Cruzeiro se recuperou na partida, encaixou o seu jogo e mostrou superioridade. Com um bom começo, os mandantes mostraram sangue frio nos pontos decisivos e empataram o confronto em um set para cada lado.

O terceiro set viu os donos da casa continuarem com o bom momento e concluírem a virada na partida. Empurrados pela torcida mineira, os atletas comandados pelo técnico Marcelo Mendez mais uma vez saíram com o triunfo, ficando em grande posição para fechar a partida e conquistar os três pontos na tabela de classificação.

Na quarta e última parcial, o Cruzeiro selou com sucesso sua virada na partida e saiu com o importante triunfo, que confirmou a primeira colocação mineira no torneio nacional: outro 25/20.

Na tabela de classificação, a equipe celeste chegou à marca de 51 pontos, continuando na liderança da disputa com campanha de 17 vitórias e duas derrotas. Já o Montes Claros permanece na parte de baixo da tabela, estacionando nos 13 pontos conquistados.

Na próxima rodada, o Cruzeiro só volta às quadras pela competição nacional no dia 14 de março, às 20h00 (horário de Brasília), recebendo o Vôlei Renata em seus domínios. Por outro lado, o Montes Claros tem uma parada difícil pela frente, ao enfrentar o Sesc/Rio de Janeiro no dia 6 de março, às 20h00 (horário de Brasília).

Sesc/Rio de Janeiro vence o Minas, mas não assume a liderança

Enquanto o Cruzeiro venceu o Montes Claros, o Rio de Janeiro sofreu, mas derrotou a equipe do Minas por 3 sets a 2, com parciais de 22/25, 25/22, 25/21, 22/25 e 15/12, jogando em seus domínios. Com o resultado, os cariocas alcançaram a marca de 49 pontos, em campanha que tem 17 vitórias em 19 partidas. Entretanto, o time permanece na segunda colocação da tabela, já que o rival celeste venceu sua partida, não conseguindo assumir de vez a liderança da tabela.

Por outro lado, o Minas somou um pontinho com o revés apertado, ficando com 36. Os mineiros acumulam onze vitórias e oito derrotas na competição nacional.

Pela nona rodada do segundo turno da Superliga masculina de vôlei, a equipe carioca permanece no Ginásio da Tijuca, dessa vez para enfrentar o time do Montes Claros, às 20h00 (horário de Brasília) do dia 6 de março. Já o Minas vai até Maringá, no Ginásio Chico Neto, para encarar o clube local, às 18h30 (horário de Brasília) do próximo sábado.

Confira os outros resultados das partidas deste sábado pela Superliga masculina:

Canoas 3 x 2 Caramuru (17/25, 25/17, 22/25, 25/17 e 15/12)

JF Vôlei 3 x 0 Maringá (25/22, 25/16 e 25/20)

Vôlei Renata 2 x 3 Taubaté (28/26, 19/25, 21/25, 25/19 e 11/15)

Gazeta Esportiva

TAGS