Clezar bate Thiago Monteiro na estreia e avança no Aberto do BrasilMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Clezar bate Thiago Monteiro na estreia e avança no Aberto do Brasil

Guilherme Clezar está na próxima fase do Aberto do Brasil. Nesta terça-feira, o número 225 do ranking mundial estreou no torneio contra Thiago Monteiro, no ginásio do Ibirapuera, e contrariou o favoritismo do rival ao superá-lo por 2 sets a 1, parciais de 6/3, 1/6 e 7/5, no jogo que fechou a noite da quadra [?]

01:45 | 28/02/2018

Guilherme Clezar está na próxima fase do Aberto do Brasil. Nesta terça-feira, o número 225 do ranking mundial estreou no torneio contra Thiago Monteiro, no ginásio do Ibirapuera, e contrariou o favoritismo do rival ao superá-lo por 2 sets a 1, parciais de 6/3, 1/6 e 7/5, no jogo que fechou a noite da quadra central.

Com o resultado, Clezar terá pela frente o cabeça de chave número um do torneio, o espanhol Albert Ramos-Vinolas, que não precisou entrar em quadra na primeira rodada e estava aguardando o vencedor do confronto entre brasileiros para descobrir quem seria seu adversário na busca por uma vaga nas quartas de final do Aberto do Brasil.

Guilherme Clezar surpreendeu no primeiro set. Emplacando alguns aces e mantendo uma margem baixa de erros no primeiro serviço, o número 225 do mundo não tomou conhecimento do rival e tratou de quebrar o saque de Thiago Monteiro logo no primeiro game. Já no fim da parcial, Clezar voltou a conquistar um breakpoint para sequer precisar sacar para confirmar a vitória por 6/3.

No segundo set Thiago Monteiro acordou e mostrou o tênis que o levou ao 125º lugar do ranking da ATP.  Foram três quebras sobre Guilherme Clezar para fechar a parcial em 6/1 ? o tenista gaúcho confirmou apenas o primeiro game ? e deixar tudo igual na quadra central do Aberto do Brasil.

Com ambos fazendo jogo duro em quadra em busca da vitória, a torcida pôde acompanhar um duelo emocionante no terceiro e decisivo set. Thiago Monteiro começou muito bem, teve a oportunidade de abrir 2 a 0 logo no início da parcial, porém, desperdiçou a chance de quebra. No sétimo game, o segundo brasileiro mais bem colocado no ranking da ATP por pouco não teve seu serviço anulado por Clezar, que acabou decepcionado ao ver seu rival deixar tudo igual em 3 a 3.

A ?portada na cara? de Thiago Monteiro parece ter feito bem ao rival, que daí em diante elevou seu nível de jogo e conseguiu superar o cansaço para oferecer grande resistência ao segundo brasileiro mais bem ranqueado na ATP. No 11º game, Clezar conquistou o breakpoint e, logo em seguida, precisou apenas confirmar seu serviço para garantir a vitória e, consequentemente, a classificação à segunda rodada do Aberto do Brasil.

Gazeta Esportiva

TAGS