PUBLICIDADE
Esportes

Após mais uma derrota, técnico do Borussia Dortmund deve ser demitido

Depois da derrota em casa para o Werder Bremen por 2 a 1 em casa neste sábado, a diretoria do Borussia Dortmund prepara a demissão do técnico holandês Peter Bosz, segundo o diário alemão Bild. Bosz chegou no início da temporada, substituindo Thomas Tuchel O Dortmund começou muito bem a temporada, mas acabou caindo muito [?]

21:15 | 09/12/2017

Depois da derrota em casa para o Werder Bremen por 2 a 1 em casa neste sábado, a diretoria do Borussia Dortmund prepara a demissão do técnico holandês Peter Bosz, segundo o diário alemão Bild. Bosz chegou no início da temporada, substituindo Thomas Tuchel

O Dortmund começou muito bem a temporada, mas acabou caindo muito de produção. Venceu apenas um dos últimos 13 jogos, e em nenhum momento chegou a incomodar Tottenham ou Real Madrid para brigar pela classificação às oitavas de final da Champions League, e o time aurinegro ocupa apenas a 7ª colocação no Campeonato Alemão, fora de qualquer competição europeia no momento.

As críticas ao trabalho de Peter Bosz aumentaram após o empate por 4 a 4 contra o Schalke 04. O Dortmund abriu 4 a 0 na partida. Além disso, a imprensa alemã ainda aponta que os métodos do treinador não agradaram os jogadores.

A última vitória no Campeonato Alemão foi em setembro, contra o Augsburg, fora de casa. No total, Peter Bosz comandou o Dortmund em 22 jogos, com sete vitórias, seis empates e nove derrotas, representando pouco mais de 40% de aproveitamento. Para substituir Bosz, a imprensa alemã aponta Julian Nagelsmann, atualmente no Hoffenheim.

 

Gazeta Esportiva

TAGS