PUBLICIDADE
Esportes

Volante relembra acidente da Chape e agradece apoio de torcida e família

O acidente que vitimou 71 pessoas, envolvendo a delegação da Chapecoense que viajava à Colômbia para a final da Copa Sul-Americana, está prestes a completar um ano. E o momento da equipe, que vem se reconstruindo em 2017, é bom, na luta por lugar na próxima Libertadores. O volante Moisés Ribeiro participou da vitória por [?]

21:00 | 26/11/2017

O acidente que vitimou 71 pessoas, envolvendo a delegação da Chapecoense que viajava à Colômbia para a final da Copa Sul-Americana, está prestes a completar um ano. E o momento da equipe, que vem se reconstruindo em 2017, é bom, na luta por lugar na próxima Libertadores.

O volante Moisés Ribeiro participou da vitória por 1 a 0 sobre o Bahia, neste domingo. Ele fazia parte do elenco em 2016, mas não viajou por conta de uma contusão. Neste domingo, após o triunfo, ele relembrou a situação.

?É uma situação difícil, me machuquei aqui (em Salvador) contra o Vitória, e uma lesão acabou salvando minha vida. Momento difícil que passei, mas com apoio da família e da torcida estou conseguindo superar?, declarou o jogador.

Mesmo com todas as dificuldades para montar o elenco do zero, o ano da Chape é positivo. Campeã catarinense, a equipe chega à rodada final do Brasileiro com chances reais de classificação para a Libertadores de 2018.

Se Grêmio e Flamengo ganharem Libertadores e Sul-Americana, respectivamente, os comandados de Gilson Kleina precisarão do nono lugar para confirmar lugar. Atualmente, está é a posição do clube, com 51 pontos. Na rodada derradeira, a Chape pega o ameaçado Coritiba, dentro de casa.

Gazeta Esportiva

TAGS