PUBLICIDADE
Esportes

Ricciardo é punido com a perda de dez posições no grid em Interlagos

O GP do Brasil não começou nada bem para o australiano Daniel Ricciardo. O piloto da Red Bull foi punido pela Fórmula 1 com a perda de dez posições no grid de largada para a corrida do próximo domingo, no Autódromo de Interlagos. Isso porque ele foi obrigado a usar o seu oitavo motor Renault [?]

11:30 | 10/11/2017

O GP do Brasil não começou nada bem para o australiano Daniel Ricciardo. O piloto da Red Bull foi punido pela Fórmula 1 com a perda de dez posições no grid de largada para a corrida do próximo domingo, no Autódromo de Interlagos. Isso porque ele foi obrigado a usar o seu oitavo motor Renault na temporada, após um problema que o fez abandonar a prova do México, na semana retrasada.

Além dele, o francês Pierre Gasly e o neozelandês Brendon Hartley, ambos da Toro Rosso, foram punidos pelo mesmo problema. De acordo com o regulamento da competição, os pilotos podem usar não mais do que quatro unidades de potência por temporada sem sofrerem penalidades.

No primeiro treino livre em Interlagos, realizado na manhã desta sexta-feira, Ricciardo foi o quinto mais rápido, com a marca de 1min09s828. Já Gasly terminou em 19º e último lugar, com 1min14s034. Hartley, por sua vez, sequer registrou tempo em função de um problema no motor de sua Toro Rosso.

A definição do grid de largada para o GP do Brasil acontecerá às 14 horas (de Brasília) deste sábado. A corrida está marcada para o mesmo horário, mas no domingo.

Gazeta Esportiva

TAGS