PUBLICIDADE
Esportes

Depois de nove anos, O.J. Simpson deixa penitenciária

Condenado a 33 anos de prisão por assalto a mão armada. sequestro e outros delitos, o ex-jogador de futebol americano O.J Simpson deixou a penitenciária neste domingo, depois de nove anos. Em 2008, o atleta foi preso quando, segundo ele, tentava impedir a venda, em um hotel-cassino de Las Vegas, nos Estados Unidos, de artigos [?]

20:30 | 01/10/2017

Condenado a 33 anos de prisão por assalto a mão armada. sequestro e outros delitos, o ex-jogador de futebol americano O.J Simpson deixou a penitenciária neste domingo, depois de nove anos.

Em 2008, o atleta foi preso quando, segundo ele, tentava impedir a venda, em um hotel-cassino de Las Vegas, nos Estados Unidos, de artigos esportivos que lhe pertenciam. Em julho deste ano, sua condicional foi aprovada.

Na época, ele afirmou que não tinha a intenção de cometer nenhum crime e que sua punição já havia sido suficiente. ?Sinto muito pela forma com que as coisas aconteceram. Foram nove anos sem criar justificativas para nada. Ao chegar aqui, falei para o diretor da prisão que não seria um problema. Acredito que mantive minha palavra?, declarou Simpson.

A aprovação de sua condicional foi unânime entre os quatro membros da comissão julgadora. Na madrugada deste domingo, após ganhar a liberdade, Brooke Keast, porta voz da prisão, ressaltou que ?não sabe para onde Simpson estava indo?.

Aos 70 anos, o ex-jogador da NFL, liga de futebol americano, já tinha outras polêmicas em seu currículo. Em 1994, ele foi acusado pelo assinado de sua ex-mulher, Nicole Brown e Ronald Goldman, que a acompanhava. Simpson foi absolvido.

 

Gazeta Esportiva

TAGS