PUBLICIDADE
Esportes

Depois de 20 temporadas, Hélio Castroneves deixa Indy

A Penske anunciou, nesta quarta-feira, que brasileiro Hélio Castroneves vai deixar a Fórmula Indy para disputar, pela mesma equipe, o IMSA WeatherTech, categoria do automobilismo criada em 2014. Ao lado do colombiano Juan Pablo Montoya e do norte-americano Dane Cameron, ele dirigirá um Acura ARX-05 Daytona Prototype International (DPi), veículo do novo projeto. Segundo a [?]

15:45 | 04/10/2017

A Penske anunciou, nesta quarta-feira, que brasileiro Hélio Castroneves vai deixar a Fórmula Indy para disputar, pela mesma equipe, o IMSA WeatherTech, categoria do automobilismo criada em 2014. Ao lado do colombiano Juan Pablo Montoya e do norte-americano Dane Cameron, ele dirigirá um Acura ARX-05 Daytona Prototype International (DPi), veículo do novo projeto.

Segundo a equipe, Hélio ainda disputará as 500 milhas de Indianápolis, em maio do próximo ano, para lutar pelo seu quarto título na disputa. ?Estou feliz por ter a chance de correr pela Penske outra Indianápolis 500?, afirmou o paulista. ?Tenho muito carinho por essa corrida e tentar lutar por mais um triunfo é algo que eu realmente queria fazer na minha carreira. Sei que temos uma grande oportunidade de tentarmos e fazermos história?.

Depois de 20 temporadas na Indy, Castroneves soma números de destaque: ao todo, são quarto vice-campeonatos (2002, 2008, 2013 e 2014), 30 triunfos em corridas, 91 pódios e 50 poles.  ?O Hélio tem sido valioso para a Penske por quase 20 anos e estamos ansiosos para compartilhar mais um sucesso juntos?, disse Roger Penske, dono da equipe. ?Isso representa um novo desafio para ele e eu sei que ele está entusiasmado com a oportunidade. Juntar pilotos como Hélio e Juan, a jovens talentosos, que conhecem a série, ajudarão a dar ao nosso novo programa uma base sólida para a temporada 2018?, finalizou.

Massa exalta características de Suzuka e elogia fãs japoneses 

Rossi descarta treinos em motocross e endurance e foca na MotoGP

?Tive a sorte de alcançar muitos dos meus objetivos pessoais com a Penske ao longo dos anos?, disse Castroneves, que se tornou o piloto com mais tempo na equipe. ?Ajudar o time a começar este novo programa e construí-lo desde o início será outro grande desafio e uma ótima oportunidade para mim. Estou orgulhoso de tudo o que conseguimos juntos?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS