PUBLICIDADE
Esportes

Após cirurgia, Valentino Rossi deve ficar afastado por 40 dias

Após o acidente que lhe custou fraturas na tíbia e na fíbula da perna direita, o heptacampeão de MotoGP, Valentino Rossi, passou por processo cirúrgico e, segundo disse o médico que o operou, precisará descansar por um período de 30 a 40 dias. ?Primeiro, quero dizer que Valentino está bem, e isto é o mais [?]

09:45 | 01/09/2017

Após o acidente que lhe custou fraturas na tíbia e na fíbula da perna direita, o heptacampeão de MotoGP, Valentino Rossi, passou por processo cirúrgico e, segundo disse o médico que o operou, precisará descansar por um período de 30 a 40 dias.

?Primeiro, quero dizer que Valentino está bem, e isto é o mais importante para todos nós. Acredito que ele certamente irá precisar de 30 a 40 dias, e, então, iremos avaliá-lo nas próximas semanas para ver o proceder?, afirmou o médico responsável, Raffaele Pascarella, na manhã desta sexta-feira, ao Motorsport.

Com a notícia, é bem provável que Rossi perca duas corridas nestes dias: em Misano e Aragón. Já na Ásia e Oceania, nas etapas de Motegi, Phillip Island e Sepang, a partir do dia 15 de outubro, ele deve estar presente.

O acidente se assemelha ao que o piloto sofreu em Mugelo, em 2010. Na ocasião, ele ficou afastados das pistas por 40 dias e perdeu quatro corridas. Para o médico, no entanto, a repetição do quadro parecido não influenciará na recuperação: ?Não é ruim que tenha sido na mesma perna. É uma diferente história clínica?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS