PUBLICIDADE
Esportes

1º B.O: Sassá se envolve em confusão em boate em BH

Conhecido por seu bom futebol nas quatro linhas e por suas polêmicas na vida extracampo, o atacante Sassá se envolveu em uma confusão na noite mineira, na madrugada de sábado. Um professor afirma ter sido agredido por pessoas que acompanhavam o jogador. De acordo com Caio de Lana Luiz, de 34 anos, estava no mesmo [?]

14:49 | 21/08/2017

Conhecido por seu bom futebol nas quatro linhas e por suas polêmicas na vida extracampo, o atacante Sassá se envolveu em uma confusão na noite mineira, na madrugada de sábado. Um professor afirma ter sido agredido por pessoas que acompanhavam o jogador.

De acordo com Caio de Lana Luiz, de 34 anos, estava no mesmo ambiente que o atacante, em uma boate na região sul de Belo Horizonte. Segundo o professor, estava tirando fotos do local, enquanto curtia a noite, e observou que o atleta passou a fazer gestos obscenos. Em seguida, ele foi abordado por pessoas que estavam acompanhando o jogador.

Quando Caio foi ao banheiro, amigos do jogador tentaram pegar o celular dele, que resistiu. Ao voltar para o ambiente festivo, o clima tenso começou e uma confusão se formou. Um copo de uísque foi arremessado contra o professor.

Sassá e as pessoas que acompanhavam foram convidados a sair do local. Já Caio Lana foi até a 124ª Companhia de Polícia de Belo Horizonte para registrar um Boletim de Ocorrência.

O professor, que curiosamente é cruzeirense, fez uma postagem relatando o caso em seu perfil no Facebook, no entanto, apagou a postagem horas depois.

A confusão ocorreu antes do jogo entre Cruzeiro e Sport, nesse domingo, no Mineirão. O jogador participou do duelo e marcou o primeiro gol da tarde, ainda no primeiro tempo, na vitória por 2 a 0 da Raposa.

Gazeta Esportiva

TAGS