PUBLICIDADE
NOTÍCIA

PSG e Chelsea perdem, mas avançam às semifinais da Champions League

A equipe francesa foi derrotada pelo Bayern de Munique por 1 a 0 em Paris, mas passou pelo critério do gol fora de casa. Os ingleses perderam para o Porto pelo mesmo placar e avançaram no saldo de gols

Gabriel Lopes
18:34 | 13/04/2021
Neymar acertou três bolas na trave na derrota do PSG para o Bayern por 1 a 0 na volta das quartas de final da Champions. A equipe francesa avançou às semifinais no critério do gol fora de casa (Foto: AFP)
Neymar acertou três bolas na trave na derrota do PSG para o Bayern por 1 a 0 na volta das quartas de final da Champions. A equipe francesa avançou às semifinais no critério do gol fora de casa (Foto: AFP)

Os primeiros dois semifinalistas da edição 2020/2021 da UEFA Champions League foram definidos nesta terça-feira, 13, com os jogos de volta das quartas de final. No Parc des Princes, em Paris, o PSG-FRA perdeu para o Bayern de Munique-ALE por 1 a 0, mas passou de fase, pois venceu por 3 a 2 na ida, em Munique. Como marcou mais tentos fora de casa, os franceses avançaram. Enquanto isso, no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, em Sevilla, o Chelsea-ING foi derrotado por 1 a 0 pelo Porto-POR, mas classificou-se no saldo de gols, pois saiu vitorioso na ida por 2 a 0.

Os jogos de ida das semifinais acontecem nos dias 27 e 28 de abril, enquanto os de volta estão marcados para os dias 4 e 5 de maio. Nesta quarta-feira, 14, às 16 horas, os confrontos Liverpool x Real Madrid e Borussia Dortmund x Manchester City definirão os outros dois semifinalistas. Real e City venceram nas partidas de ida.

Em Paris, no primeiro tempo, os papéis que aconteceram em Munique se inverteram. Dessa vez, o PSG teve amplo domínio das ações ofensivas e chegou a acertar três bolas na trave, todas com Neymar. Contudo, o Bayern, que não conseguia ser produtivo no ataque, foi quem abriu o placar, aos 40 minutos. O atacante camaronês Choupo-Moting, ex-PSG, aproveitou rebote do goleiro Navas e empurrou a bola para dentro das redes.

No segundo tempo, com a necessidade de marcar mais um gol para avançar, os bávaros passaram a dominar a posse de bola e a rondar a área dos franceses, enquanto o PSG apostou em contra-ataques, se aproveitando dos espaços deixados pelos alemães na defesa. Apesar da pressão até os minutos finais, o Bayern não conseguiu furar o bloqueio defensivo do Paris, que avançou para as semifinais com o resultado.

O outro confronto, entre Chelsea e Porto, foi disputado no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, em Sevilla, na Espanha, assim como aconteceu na partida de ida, por causa de restrições dos países envolvidos acerca da pandemia do novo coronavirus. Os ingleses, que venceram na ida por 2 a 0, adotaram uma postura conservadora e impediram que os portugueses levassem perigo de gol.

A estratégia funcionou até os acréscimos do segundo tempo, quando o atacante iraniano Taremi, de bicicleta, abriu o placar para o Porto, aos 49 minutos da etapa final. Contudo, não houve tempo para mais uma bola da rede e o confronto terminou com 1 a 0 a favor da equipe portuguesa. Dessa forma, os Blues avançam porque tiveram melhor saldo de gols nos dois jogos.