PUBLICIDADE
Vasco
Noticia

Vasco empata com o Boavista e avança na Copa do Brasil

Cruzmaltino leva susto em São Januário, mas garante empate em 1 a 1 com gol de Cano e se classifica para as oitavas de final do torneio

22:54 | 09/06/2021
Jogadores do Vasco comemoram gol de Cano no jogo Vasco da Gama x Boavista, em São Januário, pela Copa do Brasil (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)
Jogadores do Vasco comemoram gol de Cano no jogo Vasco da Gama x Boavista, em São Januário, pela Copa do Brasil (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O Vasco está nas oitavas de final da Copa do Brasil. O Cruzmaltino empatou por 1 a 1 com o Boavista na tarde desta quarta-feira, em São Januário, pela rodada de volta da terceira fase. Como ganhou na ida por 1 a 0, a equipe do técnico Marcelo Cabo avançou. Michel Douglas abriu o placar para o time da Região dos Lagos, mas Cano empatou. O próximo rival no torneio será conhecido por sorteio.

O jogo começou em um ritmo alucinante. O Boavista quase abriu o placar no primeiro minuto em uma cabeçada de Jefferson, que mandou a bola para fora. Dois minutos depois o Vasco respondeu com Gabriel Pec, que tentou encobriou o goleiro com um belo toque. Mas Ary conseguiu se recuperar e ceder escanteio. O arqueiro voltaria a salvar seu time aos sete minutos, em cabeçada de Cano.

Com as duas equipes ofensivas o gol era questão de tempo e ele saiu aos 12 minutos. Ryam Guilherme cruzou da esquerda e Michel Douglas pegou de primeira, com violência, marcando um belo gol.

O Vasco sentiu o golpe e passou a ser dominado pelo time da Região dos Lagos. Insistia nas jogadas aéreas, mas era neutralizado pela defesa do Boavista. Além disso apenas chutes sobre o gol de Sarrafiore e Léo Jabá incomodaram um pouco a defesa do Boavista.

Na volta do intervalo o Boavista mostrou que poderia virar um sério problema nos contra-ataques. Logo aos dois minutos Wisney recebeu livre na área e chutou para uma grande defesa de Vanderlei.

Apesar de não ter se encontrado em campo o Vasco conseguiu chegar ao empate aos 15 minutos. Mas o gol foi corretamente anulado após muita discussão entre as partes. Léo Jabá fez boa jogada individual e cruzou, Cano tentou dominar e a bola sobrou para Gabriel Pec estufar as redes. Os jogadores do Boavista reclamaram com razão pois a bola bateu na mão de C ano antes de se oferecer a Pec.

Mas o gol anulado animou o Vasco, que finalmente empatou aos 26 minutos. Léo Jabá cruzou da esquerda, a zaga do Boavista falhou e Cano, livre de marcação, mandou a bola para o fundo do gol.

O Vasco então passou a administrar o resultado. Mas levou alguns sustos. Aos 39 minutos Marquinhos chutou sobre o gol. Mas o Cruzmaltino segurou a vantagem até o apito final.

Agora o foco das duas equipes muda. O Vasco vai se concentrar no duelo de sábado contra o Brasil, às 19h(de Brasília). As equipes duelam no Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS), pela terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Cruzmaltino busca a sua primeira vitória na competição. Um dia depois, no domingo, às 15h(de Brasília), o Boavista vai ao Estádio Arena Inamar, em Diadema (SP), medir forças com o Santo André. O duelo é pela segunda rodada da Série D do Campeonato Brasileiro.