PUBLICIDADE
Esportes

Vasco fica somente no empate com o Bragantino em jogo-treino

Em Atibaia realizando seus trabalhos de pré-temporada, o Vasco disputou, nesta quinta-feira, um jogo-treino contra a equipe do Bragantino. O Massa Bruta saiu na frente na partida de três tempos de 30 minutos, mas o Cruzmaltino conseguiu empatar no terço final: placar de 1 a 1 no confronto. O tento do clube paulista saiu perto [?]

20:15 | 10/01/2019

Em Atibaia realizando seus trabalhos de pré-temporada, o Vasco disputou, nesta quinta-feira, um jogo-treino contra a equipe do Bragantino. O Massa Bruta saiu na frente na partida de três tempos de 30 minutos, mas o Cruzmaltino conseguiu empatar no terço final: placar de 1 a 1 no confronto.

O tento do clube paulista saiu perto do fim da etapa inicial. Após levantamento em falta lateral, o defensor Edimar subiu mais alto que a zaga carioca e fez o gol.

O Vasco só foi empatar nos minutos finais de duelo. No lance, Alan Cardoso fez o cruzamento, Marrony escorou de cabeça e a bola sobrou para Moresche finalizar e decretar o empate na partida.

A escalação do Bragantino no início do jogo-treino teve Alex Alves no gol; Itaqui, Lázaro, Edimar e Léo Rigo; Adenílson, Magno, Vitinho, Rafael Chorão e Wesley; Matheus Peixoto.

O Cruzmaltino começou a peleja com Fernando Miguel; Raul Cáceres, Werley, Kainandro e Henrique; Rodrigo, Raul e Dudu; Marrony, Ribamar e Yan Sasse.

Após o embate, o técnico Alberto Valentim ressaltou o caráter preparatório do duelo e minimizou o resultado. ?O jogo-treino contra o Bragantino fez parte de mais uma etapa da nossa preparação. É lógico que possui uma cara mais de jogo, porém nossa ideia era complementar o dia de trabalho, já que treinamos na parte da manhã?, afirmou o comandante.

?Optamos por três tempos de 35 minutos para que todos os atletas tivessem uma minutagem boa de jogo. Procurei mesclar bem os jovens com os mais experientes, e gostei bastante do que vi. É lógico que estamos ainda no começo da temporada, mas procuramos repetir aquilo que trabalhamos, o que pensamos como ideia de jogo. Foi um teste legal?, concluiu.

* Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS