PUBLICIDADE
Esportes

Jardine explica ausências na lista de inscritos para o Paulistão

Alguns jogadores que viajaram com o São Paulo para os EUA, onde o clube fez boa parte de sua pré-temporada, chamaram a atenção por ficarem de fora da lista inicial de inscritos para a disputa do Campeonato Paulista. Edimar e Lucas Kal, por exemplo, foram preteridos, e o técnico André Jardine justificou suas escolhas iniciais. [?]

07:30 | 19/01/2019

Alguns jogadores que viajaram com o São Paulo para os EUA, onde o clube fez boa parte de sua pré-temporada, chamaram a atenção por ficarem de fora da lista inicial de inscritos para a disputa do Campeonato Paulista. Edimar e Lucas Kal, por exemplo, foram preteridos, e o técnico André Jardine justificou suas escolhas iniciais.

?A gente vai estudando rodada a rodada, é importante não queimar todas as inscrições. Obviamente que o São Paulo vai estar sempre atento ao mercado, isso é uma realidade de todos os clubes. Na particularidade do [Lucas] Kal, ele é um zagueiro com quem conto bastante, mas já que temos três zagueiros extremamente experientes, que estão vivendo um bom momento, vamos inscrevê-lo se realmente precisarmos?, disse o treinador são-paulino.

Enquanto segue sem poder atuar no Paulistão, Lucas Kal fará um trabalho específico para ganho de massa muscular, que proporcionará a ele uma maior intensidade nas partidas. O mesmo serve para o garoto Rodrigo, incluído na lista B para a disputa do Paulistão, destinada a jovens de até 21 anos, e que também esteve presente na Copa Flórida.

?Eles [Lucas Kal e Rodrigo] têm um excelente repertório. A partir do momento que conseguirem jogar fisicamente no nível que o profissional está exigindo, eles serão aproveitados?, completou Jardine.

Já a situação de Edimar é um pouco mais complicada. Embora o treinador do São Paulo não tenha exposto que o lateral-esquerdo não está em seus planos para 2019, a tendência é que ele não permaneça no clube até o fim da atual temporada. Em Orlando, por exemplo, ele foi um dos poucos atletas que não atuaram sequer por alguns minutos.

?Como contamos com o Léo e o Reinaldo, deixamos o Edimar em standby. Rodada a rodada iremos analisar como vamos gastar essas últimas vagas?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS