PUBLICIDADE
Esportes

Surpreso com gols, Aguirre nega improviso de Reinaldo em clássico

O técnico Diego Aguirre, do São Paulo, surpreendeu na escalação para o Majestoso do último sábado, válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele colocou Edimar na lateral esquerda e Reinaldo na ponta, em substituição ao suspenso Everton. A troca se mostrou eficiente, e o Tricolor venceu o Corinthians com facilidade, por 3 a 1, [?]

09:15 | 22/07/2018

O técnico Diego Aguirre, do São Paulo, surpreendeu na escalação para o Majestoso do último sábado, válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ele colocou Edimar na lateral esquerda e Reinaldo na ponta, em substituição ao suspenso Everton. A troca se mostrou eficiente, e o Tricolor venceu o Corinthians com facilidade, por 3 a 1, com dois gols do camisa 14.

?Foi uma opção colocar Reinaldo na segunda linha, onde jogou em outros times, não é uma posição desconhecida. Quis reforçar o lado esquerdo, por causa do Fagner. Mas nunca imaginaria que Reinaldo faria dois gols. Teve sorte?, disse, surpreendido.

Com Edimar fazendo a cobertura, Reinaldo ganhou liberdade para atacar. O primeiro gol saiu aos 24 minutos do segundo tempo, quando driblou Cássio e tocou por cobertura. O segundo veio aos 36, contando com uma falha feia do goleiro, que não agarrou o chute feito de fora da área.

?Quando o treinador faz uma mudança e ganha o jogo, é bom. Mas, se tivesse perdido, falariam que foi um esquema defensivo, essas coisas?, sugeriu Aguirre, que definiu a mudança ao ouvir de Reinaldo que o lateral já havia feito a função anteriormente ? em Ponte Preta e Chapecoense.

?Não foi uma improvisação. Falei com o Reinaldo, eu gosto de ter conversas individuais para não forçar o jogador a jogar onde não gosta. Ele falou que gosta, fez em outros clubes. Reforçamos o lado de Fagner, que é muito importante para o Corinthians, e deu certo?, comemorou.

No final do jogo, quando o Tricolor já vencia por 3 a 0, Aguirre promoveu a estreia profissional do jovem volante Luan, que entrou na vaga de Edimar. O garoto ainda levou um cartão amarelo por falta em Rodriguinho. ?Foi uma opção. Como Jucilei se machucou e precisávamos de um volante, pegamos o Luan. O São Paulo tem muitos bons jogadores na base e estamos em permanente comunicação?, concluiu.

Com o triunfo, o São Paulo chegou aos 29 pontos e se manteve na cola do líder Flamengo, que mais cedo derrotou o Botafogo em outro clássico. O próximo compromisso do Tricolor será diante do Grêmio, na quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), em Porto Alegre.

Gazeta Esportiva

TAGS