Santos marca reunião com Esporte Interativo para discutir futuroSantos Futebol Clube | Times | Esportes O POVO 

PUBLICIDADE
Esportes


Santos marca reunião com Esporte Interativo para discutir futuro

O Santos marcou uma reunião com o Esporte Interativo para a próxima segunda-feira. Em pauta, a transição após a extinção dos canais, demissões em massa e a transmissão de jogos e alguns programas apenas no TNT e Space. O objetivo é tratar o modelo de parceria para o Campeonato Brasileiro de 2019, sem a presença [?]

20:00 | 05/09/2018

O Santos marcou uma reunião com o Esporte Interativo para a próxima segunda-feira. Em pauta, a transição após a extinção dos canais, demissões em massa e a transmissão de jogos e alguns programas apenas no TNT e Space.

O objetivo é tratar o modelo de parceria para o Campeonato Brasileiro de 2019, sem a presença do EI na televisão fechada. O Peixe estuda rescindir o contrato, mas descarta pagar qualquer multa.

Sem acordo com o Esporte Interativo, o alvinegro poderia melhorar os moldes do contrato com a Globo. A gestão de Peres melhorou a relação com a empresa carioca neste ano.

?A preferência (pela Globo) existiu no instante em que percebemos que a assinatura do contrato com o Esporte Interativo foi prejudicial ao clube. Calculamos que perderemos cerca de R$ 70 milhões de receitas. Isso é calculado, não é nada chutado. Então, a partir desse momento, fazemos um trabalho para sair do Esporte Interativo. Quem assinou com o Esporte Interativo vai perder quase 50% do contrato. A Globo é transmissão ao vivo aberta e mais o Premiere. O que ficou com o Esporte Interativo foi a TV fechada, as cotas internacionais e a internet. Só que a Globo, a partir do momento em que perdeu três produtos, ela achou por direito dela cortar 50% [do valor do Santos]. Se rompermos com o Esporte Interativo recuperamos esse valor?, disse o presidente, ao UOL..

?Sem dúvida (romper agora com o EI). Bahia, Internacional, Coritiba, Atlético-PR e mais outro que não me lembro são os clubes que assinaram com o Esporte Interativo. Todos nós acreditamos que houve uma quebra de contrato. Estamos nos organizando para chegarmos a uma conclusão para diminuirmos esse prejuízo. Eles nem têm mais canal para transmitir, também. Levar para o TNT transmitir não faz sentido, não é isso que está no contrato?, completou.

O Esporte Interativo tem contrato com oito clubes da primeira divisão para a transmissão das partidas do Campeonato Brasileiro em 2019: Atlético-PR, Bahia, Ceará, Coritiba, Internacional, Palmeiras, Paraná e o Santos.

Gazeta Esportiva

TAGS