PUBLICIDADE
Esportes

Reviravolta? Derlis González diz que jogará pelo Santos

A novela Derlis González ganhou mais um capítulo neste sábado. Depois de culpar o presidente José Carlos Peres pelo fracasso na negociação, o atacante paraguaio do Dínamo de Kiev-UCR disse que será reforço do Santos. O clube não confirma. O empresário também havia admitido o fim das tratativas. ?Eu só quero jogar. Nada mais. Chegamos [?]

15:30 | 28/07/2018

A novela Derlis González ganhou mais um capítulo neste sábado. Depois de culpar o presidente José Carlos Peres pelo fracasso na negociação, o atacante paraguaio do Dínamo de Kiev-UCR disse que será reforço do Santos. O clube não confirma. O empresário também havia admitido o fim das tratativas.

?Eu só quero jogar. Nada mais. Chegamos a um acordo?, disse o jogador, em rápido contato com a Gazeta Esportiva. Seu pai e representante, Pablo, afirmou o mesmo.

Derlis viria por empréstimo, em troca com Vitor Bueno. O santista está na Ucrânia à espera de um desfecho e o Peixe cobrou 500 mil euros (R$ 2,1 mi) pela liberação para o caso do paraguaio não atuar no Brasil. O valor de compra fixado seria de 10 milhões de euros (R$ 43,6 mi).

A situação é curiosa porque Vitor Bueno, a princípio, não gostaria de atuar pelo Dínamo, mas foi convencido pelo Santos, disposto a não pagar pelo empréstimo de Derlis González e com a expectativa de vendê-lo no futuro. Os representantes do jogador estão incomodados. E para piorar, a camisa 7 foi dada para Carlos Sánchez e o jovem de 23 anos precisaria de outro número se retornasse.

Derlis veio ao Brasil com seu pai e dois emprésarios e negociou por cinco dias antes de voltar ao Paraguai. O atacante alegou que o Santos não cumpriu com o acordo verbal. O Peixe afirmou que ele fez diversas exigências, como salário alto, casa, carro, comissão, passagens aéreas de luxo?

?Não há mais chance. Depois do que disse o presidente, não há mais. Olha, eu tenho no contrato com o Dínamo um salário de 110 mil dólares por mês (R$ 405 mil), passagem de avião, carro e eles sabiam disso. E disseram que dariam o mesmo contrato. Na chegada ao Brasil, quiseram pagar 37 mil dólares a menos (R$ 136 mil) por mês. Não dá. Eles sabiam do contrato e disseram que sim??, disse Derlis, à reportagem, antes de mudar o discurso.

Caso Derlis González realmente seja contratado, o Santos terá seu terceiro reforço estrangeiro para o segundo semestre. Bryan Ruiz e Carlos Sánchez já foram apresentados. Há ainda a procura por meio-campista defensivo e, principalmente, um centroavante.

Derlis tem 24 anos, 1,72m de altura e é polivalente. No Dínamo, jogou aberto pela esquerda. Na seleção do Paraguai, o atacante é utilizado pela direita. E as funções de meia e segundo atacantes já foram desempenhadas. Ele foi revelado pelo Rubio Ñu e passou pelo Benfica B, Guarani, Olimpia e Basel. O atacante tem contrato até junho de 2020.

Gazeta Esportiva

TAGS