PUBLICIDADE
Esportes

Santos adia definição sobre Jair; antigas opções estão livres no mercado

Na última segunda-feira, o presidente José Carlos Peres declarou que, independentemente do resultado contra o Fluminense (1 a 0 no RJ), a diretoria do Santos se reuniria para analisar o trabalho de Jair Ventura e decidir ou não pela permanência do técnico. E isso ainda não ocorreu. Em evento para o anúncio da venda de [?]

16:00 | 16/06/2018

Na última segunda-feira, o presidente José Carlos Peres declarou que, independentemente do resultado contra o Fluminense (1 a 0 no RJ), a diretoria do Santos se reuniria para analisar o trabalho de Jair Ventura e decidir ou não pela permanência do técnico. E isso ainda não ocorreu.

Em evento para o anúncio da venda de Rodrygo para o Real Madrid nesta sexta-feira, em São Paulo, Peres disse aos jornalistas que não há qualquer encontro marcado com o treinador e os demais membros do Comitê de Gestão. Jair, o restante da comissão técnico e o elenco estão em recesso até o dia 25.

Enquanto isso, duas opções do Peixe em dezembro, antes da vinda de Jair Ventura, estão livres no mercado: Zé Ricardo deixou o Vasco no início do mês e Abel Braga pediu demissão no Fluminense neste sábado. A dupla estava no radar de Peres quando venceu a eleição.

Zé Ricardo era prioridade, mas não quis deixar o Vasco. Jair, que topou rescindir com o Botafogo, foi o escolhido. Abel não chegou a ser procurado oficialmente.

O primeiro semestre de Jair Ventura no Santos não foi bom: classificação às oitavas de final da Libertadores e quartas na Copa do Brasil, mas eliminação na semi do Paulista e 15º lugar no Campeonato Brasileiro. São 14 vitórias, sete empates e 14 derrotas na temporada.

Gazeta Esportiva

TAGS