PUBLICIDADE
Esportes

Presidente do Santos espera pelo Real e cita outros quatro interessados em Rodrygo

Em reunião do Comitê de Gestão na noite desta segunda-feira, na Vila Belmiro, o Santos decidiu vender Rodrygo apenas pela multa rescisória de 50 milhões de euros (R$ 218 milhões). E os interessados não se restringem à Espanha. Além do Barcelona e Real Madrid, o presidente José Carlos Peres diz que Borussia e Bayern, da [?]

07:15 | 12/06/2018

Em reunião do Comitê de Gestão na noite desta segunda-feira, na Vila Belmiro, o Santos decidiu vender Rodrygo apenas pela multa rescisória de 50 milhões de euros (R$ 218 milhões). E os interessados não se restringem à Espanha.

Além do Barcelona e Real Madrid, o presidente José Carlos Peres diz que Borussia e Bayern, da Alemanha, e PSG, da França, estão no páreo. O Real é quem tem vantagem e acena com o pagamento da multa.

?Existem propostas na mesa, todas estudadas. Não podemos falar valores? Sempre pela multa! Comitê de Gestão decidiu que a venda só será pela multa, já que não temos como reagir. Avisamos aos interessados. Real Madrid, Barcelona, Borussia Dortmund, Paris Saint-Germain, Bayern? São vários?, disse Peres.

?Todas as propostas aguardam nossa palavra e ela foi enviada hoje. Não respondeu (Real Madrid), estamos aguardando?, completou o presidente.

O Peixe vai negociar com quem levar Rodrygo por sua liberação. Ele só pode deixar o Brasil em janeiro, quando completa 18 anos. A ideia do alvinegro é tê-lo até dezembro de 2019, mas mantê-lo no primeiro semestre do ano que vem já seria uma notícia comemorada na Vila Belmiro.

O Real Madrid quer vencer a concorrência do Barcelona por Rodrygo, assim como com Vinicius Jr, do Flamengo. Além do pagamento da multa, pesou contra os catalães o processo movido na Justiça pela venda de Neymar em 2013.

Uma das sensações do futebol brasileiro em 2018, Rodrygo demorou alguns jogos, mas se tornou titular absoluto com o técnico Jair Ventura. Ele tem nove gols em 29 jogos na temporada.

Gazeta Esportiva

TAGS