Do azar à vaga na Libertadores: a ascensão de Bambu no SantosSantos Futebol Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Do azar à vaga na Libertadores: a ascensão de Bambu no Santos

Robson Bambu foi uma das novidades do Santos para a Libertadores da América. O zagueiro de 20 anos venceu a concorrência do experiente Cleber Reis e foi inscrito pelo técnico Jair Ventura em sua primeira competição continental. A ascensão chama a atenção. E poderia ter ocorrido mais cedo. Em outubro de 2017, ainda sob o [?]

10:15 | 28/02/2018

Robson Bambu foi uma das novidades do Santos para a Libertadores da América. O zagueiro de 20 anos venceu a concorrência do experiente Cleber Reis e foi inscrito pelo técnico Jair Ventura em sua primeira competição continental.

A ascensão chama a atenção. E poderia ter ocorrido mais cedo. Em outubro de 2017, ainda sob o comando de Elano, o Peixe foi buscar um zagueiro nas categorias de base. A primeira opção era Bambu, mas o técnico escolheu Matheus Guedes por causa de uma convocação dele para a Copa de Seleções Estaduais Sub-20.

Depois do atraso, Robson foi promovido ao elenco profissional já na pré-temporada de 2018 e tem chamado a atenção de Jair Ventura nos treinamentos. O Menino da Vila também pode atuar como lateral-direito.

?Ele (Bambu) vem treinando (como lateral). Temos a base para dar uma olhada também. Bambu jogou assim na base e na Seleção. Ele é mais rápido que notícia ruim (risos). É bom menino, versátil, entrou contra o Palmeiras e não sentiu. Essa é a cara do Santos, são jogadores de personalidade. Os garotos passam confiança no dia a dia e temos que usar?, disse Jair Ventura, em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva.

Bambu atuou duas vezes no Campeonato Paulista ? contra Palmeiras e Ituano. O zagueiro tem contrato até o dia 10 de novembro deste ano e negocia um vínculo maior.

Gazeta Esportiva

TAGS