PUBLICIDADE
Esportes

Bruno Henrique ?culpa? eleições por queda do Santos na reta final de 2017

Apesar da terceira colocação no Campeonato Brasileiro e da classificação para a fase de grupos da próxima Libertadores, o Santos não encerrou 2017 deixando sua torcida feliz. Afinal, o Peixe terminou o ano sem conquistar um título sequer, coisa que não acontecia de 2014. Para Bruno Henrique, artilheiro santista na temporada, com 18 gols, as [?]

06:30 | 04/12/2017

Apesar da terceira colocação no Campeonato Brasileiro e da classificação para a fase de grupos da próxima Libertadores, o Santos não encerrou 2017 deixando sua torcida feliz. Afinal, o Peixe terminou o ano sem conquistar um título sequer, coisa que não acontecia de 2014.

Para Bruno Henrique, artilheiro santista na temporada, com 18 gols, as eleições presidenciais do clube prejudicaram a equipe na reta final do Brasileirão.

?Estou feliz pelo meu momento. Agora é descansar. Não adianta culpar só os jogadores. Todos os times que passam por eleições encaram isso, é difícil. O fora de campo reflete dentro de campo. Espero que em 2018 as coisas aconteçam. Que a gente monte um time competitivo, com força de quem está fora, de quem está dentro, para conquistar títulos?, disse o atacante ao canal SporTV, após o empate por 1 a 1 com o Avaí, no domingo, na Vila Belmiro, pela última rodada do Brasileirão.

De férias, o elenco do Peixe se reapresenta apenas no dia 3 de janeiro de 2018, no CT Rei Pelé. Muito antes disso, neste sábado, acontece a eleição para definir o presidente do clube pelos próximos três anos.

Neste ano, três candidatos participam da disputa. Além de Modesto Roma Júnior, atual mandatário, José Carlos Peres, Andres Rueda e Nabil Khaznadar concorrem no pleito.

Gazeta Esportiva

TAGS