PUBLICIDADE
Esportes

Mudança não surte efeito e Elano deve retomar formação do Santos

O técnico Elano surpreendeu os torcedores do Santos na última segunda-feira ao anunciar a formação da equipe que entraria em campo contra a Chapecoense, na Arena Condá. Sem contar com Caju, machucado, e Bruno Henrique, suspenso, o treinador optou por escalar três volantes (Renato, Alison e Matheus Jesus) e improvisar Victor Ferraz na lateral esquerda. [?]

13:45 | 15/11/2017

O técnico Elano surpreendeu os torcedores do Santos na última segunda-feira ao anunciar a formação da equipe que entraria em campo contra a Chapecoense, na Arena Condá. Sem contar com Caju, machucado, e Bruno Henrique, suspenso, o treinador optou por escalar três volantes (Renato, Alison e Matheus Jesus) e improvisar Victor Ferraz na lateral esquerda.

A nova escalação não deu certo. Desorganizado, o Peixe ficou preso na marcação do time catarinense e acabou sendo derrotado por 2 a 0, acabando de vez com as chances de conquistar o título do Campeonato Brasileiro.

E para o embate com o Bahia, nesta quinta, às 21h (de Brasília), na Fonte Nova, pela 35ª rodada do torneio nacional, Elano deve retomar a antiga formação santista, com três atacantes.

A mudança deve acontecer muito em função do retorno de Bruno Henrique, suspenso contra a Chape. Com isso, Matheus Jesus fica no banco.

Em contrapartida, Caju segue como desfalque por causa de dores musculares na perna esquerda, entre o joelho e o tornozelo. Sendo assim, a tendência é que Victor Ferraz continue improvisado como lateral-esquerdo.

Elano deve esboçar o time que entrará em campo em treino na tarde desta quarta-feira, no CT do Vitória. O provável Peixe para encarar o Bahia é: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Victor Ferraz (Jean Mota); Alison, Renato e Lucas Lima; Bruno Henrique, Arthur Gomes e Ricardo Oliveira.

Gazeta Esportiva

TAGS