Felipão aumenta galeria no Palmeiras e volta a brilhar no BrasilSociedade Esportiva Palmeiras | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Felipão aumenta galeria no Palmeiras e volta a brilhar no Brasil

Multicampeão no comando do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari conquistou na tarde deste domingo seu sexto título pelo clube alviverde. O Campeonato Brasileiro, garantido de maneira antecipada, é o primeiro vencido pelo técnico no País desde a derrota por 7 a 1 diante da Alemanha na Copa 2014. Após o revés pela Seleção na semi do [?]

18:15 | 25/11/2018

Multicampeão no comando do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari conquistou na tarde deste domingo seu sexto título pelo clube alviverde. O Campeonato Brasileiro, garantido de maneira antecipada, é o primeiro vencido pelo técnico no País desde a derrota por 7 a 1 diante da Alemanha na Copa 2014.

Após o revés pela Seleção na semi do Mundial, Felipão foi acolhido pelo Grêmio, mas passou em branco pelo clube gaúcho. Contratado pelo Guangzhou Evergrande, o treinador enfileirou títulos pelo time chinês, entre eles a Liga dos Campeões da Ásia.

Na volta ao Brasil, Felipão veio para sua terceira passagem no comando do Palmeiras. Durante a entrevista de apresentação, realizada no começo do último mês de agosto, o ex-técnico da Seleção foi questionado sobre o 7 a 1 contra a Alemanha e tratou o episódio como superado.

Aos 70 anos, taxado como ?ultrapassado? por alguns, Felipão não mudou o estilo para voltar a brilhar no Brasil. Com os jogadores motivados em praticamente dois times diferentes, ele formou uma defesa sólida e montou um grupo competitivo para ver seu futebol de resultados funcionar novamente, a ponto de seguir invicto no Brasileiro.

Superado apenas por Oswaldo Brandão na lista dos técnicos que mais dirigiram o Palmeiras, Felipão em sua primeira passagem ganhou a Copa do Brasil 1998, a Copa Mercosul 1998, a Copa Libertadores 1999 e o Torneio Rio São-Paulo 2000. Na segunda, faturou a Copa do Brasil 2012.

O treinador já havia conquistado o Campeonato Brasileiro pelo Grêmio em 1996, ano em que bateu a Portuguesa na decisão. Na temporada seguinte, pelo Palmeiras, perdeu a final para o Vasco. Dezenove anos depois, contra o mesmo adversário, ele triunfa novamente.

Gazeta Esportiva

TAGS