Bruno Henrique discorda de Cuca e nega favoritismo em clássicoSociedade Esportiva Palmeiras | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Bruno Henrique discorda de Cuca e nega favoritismo em clássico

Às 19 horas (de Brasília) deste sábado, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras enfrenta o Santos, no Allianz Parque. Em entrevista à Gazeta Esportiva, o experiente, o técnico Cuca colocou o time alviverde como favorito, visão que o volante Bruno Henrique não compartilha. ?Em clássico, não tem favoritismo. O Santos é um grande [?]

15:15 | 02/11/2018

Às 19 horas (de Brasília) deste sábado, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras enfrenta o Santos, no Allianz Parque. Em entrevista à Gazeta Esportiva, o experiente, o técnico Cuca colocou o time alviverde como favorito, visão que o volante Bruno Henrique não compartilha.

?Em clássico, não tem favoritismo. O Santos é um grande time e vem em uma ascensão muito grande no segundo turno, com bons resultados. O clássico é diferente. Precisamos entrar ligados durante os 90 minutos. Sabemos a força do nosso time em casa, mas não somos favoritos?, afirmou Bruno Henrique.

O confronto entre Palmeiras e Santos envolve as duas melhores equipes do segundo turno do Campeonato Brasileiro. Com 30 pontos anotados em 12 partidas, os comandados de Felipão marcaram 30 pontos, enquanto os pupilos de Cuca já anotaram 25 pontos.

?É um clássico entre dois times que estão muito bem no campeonato. Sabemos que temos uma responsabilidade muito grande de propor o jogo em casa e vencer. É isso que a gente quer e é isso que vamos buscar durante os 90 minutos?, afirmou Bruno Henrique.

O técnico Luiz Felipe Scolari tem uma série de problemas para armar o Palmeiras no clássico. Do time considerado titular, os laterais Diogo Barbosa e Mayke foram punidos pelo STJD, o volante Moisés está suspenso e o atacante Willian, lesionado.

A sete rodadas do final do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras lidera com 63 pontos ganhos. Flamengo (59), Internacional (58) e São Paulo (56) são os principais perseguidores do time alviverde. O Santos (46) figura no sétimo lugar e sonha com a Libertadores.

 

Gazeta Esportiva

TAGS