PUBLICIDADE
Esportes

Goleiro do Palmeiras pegou pênalti em Mundial e é observado pelo Real

Com a saída de Daniel Fuzato, a vaga de quarto goleiro do Palmeiras ficou aberta. Em processo de intercâmbio com as categorias de base, Matheus Teixeira treinou com o grupo profissional na quinta-feira e é um dos aspirantes a assumir o posto. O jovem de 19 anos é apontado como um dos mais promissores na [?]

08:15 | 25/05/2018

Com a saída de Daniel Fuzato, a vaga de quarto goleiro do Palmeiras ficou aberta. Em processo de intercâmbio com as categorias de base, Matheus Teixeira treinou com o grupo profissional na quinta-feira e é um dos aspirantes a assumir o posto.

O jovem de 19 anos é apontado como um dos mais promissores na Academia com tradição na formação de goleiros. Em 2016, ainda na equipe Sub-17 do Verdão, Matheus venceu o prêmio de melhor portero do Mundial Interclubes da categoria, disputado na Espanha.

Na ocasião, ao longo dos cinco jogos da campanha, o goleiro levou apenas cinco tentos e defendeu um pênalti na decisão contra o Real Madrid (que terminou com vitória merengue por 5 a 4 após o 2 a 2 no tempo normal). Desde então, Matheus é observado pelo time blanco.

Nascido em Rio Preto no ano em que Marcos (o último goleiro ídolo formado pelo Palmeiras) se tornou Santo para a torcida, o arqueiro passou teve a chance de trabalhar com Wagner Ribeiro, mas optou por fechar contrato com Luiz Rocha, agente residente na capital espanhola e responsável por levar o volante Lucas Silva do Cruzeiro para o Real Madrid, em 2015.

O Palmeiras detém 100% dos direitos econômicos do jogador, que tem contrato até 31 de julho de 2019. E se o Real Madrid passou a observar o jogador por suas atuações contra a equipe espanhola, ele chegou ao Verdão da mesma forma.

Matheus foi goleiro de futsal e, no Laranjeiras, clube de Rio Preto, começou a treinar em campo. Em 2012, foi levado pelo técnico Alex Rocha para disputar o Paulista Sub-13 pelo Tanabi. Sua equipe foi eliminiada pelo rival Corinthians, mas depois, houve um amistoso com o Palmeiras, que se interessou pelo goleiro e o contratou após uma série de testes na capital paulista, ainda como atleta amador.

No último ano, antes de Daniel Fuzato ser alçado aos profissionais, Matheus era reserva do ex-goleiro alviverde no Sub-20 e atuava em alguns duelos. Atualmente, o titular da categoria é Magrão, que está com a delegação alviverde na Holanda para a disputa de dois torneios. Os atacantes Fernando e Papagaio, inclusive, ficaram de fora da viagem para a competição para integrar o elenco profissional em virtude da convocação de Miguel Borja.

Gazeta Esportiva

TAGS