PUBLICIDADE
Esportes

Em metade dos jogos, Borja já marcou mais gols do que em 2017

Ninguém pode negar que Miguel Borja é outro em relação a 2017. Em sua primeira temporada no Palmeiras, o colombiano marcou apenas dez gols em 43 partidas. Já neste ano, com o tento marcado diante do América-MG, o camisa 9 chegou a 11 bolas nas redes em 20 jogos. A média na temporada é de [?]

08:15 | 10/05/2018

Ninguém pode negar que Miguel Borja é outro em relação a 2017. Em sua primeira temporada no Palmeiras, o colombiano marcou apenas dez gols em 43 partidas. Já neste ano, com o tento marcado diante do América-MG, o camisa 9 chegou a 11 bolas nas redes em 20 jogos.

A média na temporada é de 0,55 gol por duelo, número muito acima da marca de 0,23 por jogo alcançada em seu primeiro ano no Palestra Itália. Mesmo assim, o colombiano ainda busca os 0,62 tentos por confronto registrados ao longo de 27 jogos pelo Atlético Nacional-COL.

O desempenho de Borja contra o América-MG foi fundamental para sua sequência como titular. No jogo anterior, diante do Atlético-PR pelo Campeonato Brasileiro, Willian foi escalado como centroavante e deixou sua marca. Na ocasião, Roger havia declarado que a opção por Bigode foi apenas tática para o jogo.

Artilheiro do Campeonato Colombiano pelo modesto Cortuluá (COL) no primeiro semestre DE 2016, Borja chegou ao Atlético Nacional no meio de 2016 e foi um dos destaques do título da Libertadores, com cinco gols marcados em quatro jogos. Além disso, o colombiano venceu a Copa nacional e chegou à decisão da Sul-Americana (a Chapecoense ficou com o título), o que motivou o Palmeiras a comprá-lo por 10,5 milhões de dólares (R$ 32 milhões na época) no início do ano passado.

Gazeta Esportiva

TAGS