PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Em jogo de gols perdidos, Grêmio e Fortaleza ficam no 0 a 0 na Série A

A partida disputada na Arena do Grêmio teve várias oportunidades de gol para Imortal e Leão, mas faltou capricho na finalização para tirar o zero do placar

Victor Hugo Pinheiro
22:06 | 27/06/2021
Grêmio e Fortaleza empataram em 0 a 0, pela Série A 2021 (Foto: Bruno Oliveira / Fortaleza EC)
Grêmio e Fortaleza empataram em 0 a 0, pela Série A 2021 (Foto: Bruno Oliveira / Fortaleza EC)

Grêmio e Fortaleza fizeram partida movimentada na Arena do Grêmio, neste domingo, 27, pela sétima rodada da Série A, mas o placar não foi alterado em nenhum momento do confronto, e o 0 a 0 persistiu. A noite em Porto Alegre foi toda dos goleiros Gabriel Chapecó e Felipe Alves, tanto é que cada um defendeu cobrança de pênalti. 

Com o empate sem gols, o Fortaleza chegou aos 12 pontos e caiu para a quarta posição, enquanto o Grêmio somou o segundo ponto e segue na última colocação do Brasileirão 2021.

O jogo

O Grêmio começou a partida impondo o jogo ofensivo, deixando o Fortaleza com enormes dificuldades para conseguir trocar passes. Com menos de um minuto, Rafinha finalizou rasteiro, obrigando Felipe Alves a encaixar com segurança. Aos oito, Douglas Costa recebeu de Diogo Barbosa, se livrou da marcação e bateu à direita de gol. Com o decorrer do primeiro tempo, o Tricolor conseguiu ajustar a marcação para travar as investidas do Imortal.

O Leão teve boa oportunidade com Éderson, aos 31 do primeiro tempo. Após lançamento de Ronald, o camisa 13 tocou por cobertura e, por pouco, a bola não balançou as redes. O volante do Tricolor apareceu novamente no ataque, com finalização de longa distância, e Gabriel Chapecó espalmou para linha de fundo. Aos 43 minutos, o clube gaúcho teve a melhor chance de abrir o placar. Rafinha cruzou do lado direito, Ferreira cabeceou e carimbou a trave.

O início do segundo tempo teve chances para os dois lados. O Imortal quase marcou com Kannemann, mas o zagueiro argentino perde na marca do pênalti, aos três minutos. Na sequência, Gabriel Chapecó pegou errado na bola, deixou de presente para Robson, porém, o chute foi travado por Rafinha. O Leão teve a chance de sair na frente após pênalti e expulsão de Kannemann. Gabriel Chapecó defendeu a cobrança de Pikachu e, no rebote, o ala bateu para fora.

O Leão seguiu com mais ímpeto ofensivo, aproveitando a superioridade numérica. David avançou, passou pela defesa gremista e finalizou para Chapecó defender com os pés, aos 22. Depois, o clube gaúcho teve a chance com Diego Souza, mas Felipe Alves defendeu a cabeçada. O Imortal também teve pênalti, após toque no braço de Osvaldo. Aos 34 minutos, Diego Souza foi para a cobrança, e o goleiro tricolor espalmou.

As equipes até continuaram em busca do gol da vitória até o final da partida, porém, o resultado não mudou na reta final. 

Pela oitava rodada, o Fortaleza recebe a Chapecoense na Arena Castelão, na próxima quarta-feira, 30, às 16 horas. O Leão vai em busca de voltar a vencer após quatro jogos no Brasileirão.