PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Clássico-Rei não tem virada no placar desde 2016

Dos últimos 23 confrontos entre os rivais, quem saiu na frente terminou ao menos com o empate

13:21 | 08/06/2021
Ceará e Fortaleza se reencontram nesta quinta-feira, 10, na Copa do Brasil (Foto: Aurelio Alves)
Ceará e Fortaleza se reencontram nesta quinta-feira, 10, na Copa do Brasil (Foto: Aurelio Alves)

Abrir o placar tem sido uma vantagem considerável no Clássico-Rei. Isto pois, os últimos 23 confrontos entre Ceará e Fortaleza, a equipe que saiu na frente garantiu ao menos um empate. Desde 2016 não houve nenhuma virada no placar do clássico e somente em cinco ocasiões o time que partiu atrás conseguiu terminar o confronto empatado.

A última virada no placar foi no Campeonato Cearense de 2016, em uma vitória do Fortaleza. A equipe tricolor saiu atrás na contagem após um pênalti marcado pelo toque de mão de Lima e convertido por Rafael Carioca. Anselmo, primeiro, e Núbio Flávio, em seguida, comandaram a mudança no resultado em favor do Leão.

Depois da virada de 2016, o Clássico-Rei tem mostrado que quem abre o placar está bem mais próximo da vitória. Dos 23 jogos envolvendo os rivais, 15 vezes o time que balançou as redes primeiro garantiu a vitória. Deste recorte, em nove ocasiões a equipe ainda conseguiu ampliar a vantagem.

Ceará e Fortaleza voltam suas atenções para o Clássico-Rei desta quinta, 10, às 21h30min, na Arena Castelão, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. O primeiro confronto entre os rivais terminou em 1 a 1.